Fale Conosco

14 de abril de 2012

Ricardo Coutinho inaugura barragem de Jandaia e anuncia adutora



Barragem_JandaiaA barragem de Jandaia, concluída no final do mês passado, na zona rural de Bananeiras, foi inaugurada na manhã deste sábado (14) pelo governador Ricardo Coutinho. Na solenidade, ele destacou que a obra, na qual o Governo do Estado investiu R$ 18,1 milhões, representa o primeiro passo para garantir a segurança hídrica de toda aquela região.

Na ocasião, ele disse que o Governo já inicia estudos para construir a adutora que levará água para o município de Cacimba de Dentro, evitando a sobrecarga do manancial de Canafístula, que abastece Bananeiras e Sonânea. Outra ação importante destacada por ele é o Programa Água para Todos, parceria entre os governos Federal e do Estado, que prevê a construção de quatro mil cisternas, 206 barreiros e sistemas de abastecimento de água singelos para o semiárido.

Segundo Ricardo, com as barragens de Jandaia e Camará, juntamente com as adutoras, o Governo resolverá o problema de abastecimento de água para 90% da região do Brejo. Ele ressaltou que os sinais de chuvas abaixo da média preocupa. “Foi por isso que corremos contra o tempo para que a barragem de Jandaia, prometida por muitos, fosse logo entregue”, acrescentou.

Recursos – A barragem de Jandaia foi iniciada em novembro de 2010, com recursos próprios e do BNDES. O atual governo pagou 94% da obra (R$ 17.019.294 milhões).  “Fomos responsáveis pelo pagamento de quase a totalidade da barragem de Jandaia, que está adequada em termos de engenharia moderna para a construção de um sistema de adutora que atenderá a população dos municípios de Bananeiras, Cacimba de Dentro, Solânea, Araruna, Tacima, Dona Inês e do distrito de Tabuleiro”, afirmou.

Adutoras – O secretário de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, informou que a obra é importante por possibilitar que, em parceria com a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), seja construída uma rede de adutoras. “Esse projeto já está sendo feito pela Cagepa. O objetivo é levar água às casas das pessoas o mais breve possível”, disse.ricardo_barragem_jandaia_foto_Alberi Pontes (4)

Azevedo explicou que a adutora terá dez milhões de metros cúbicos e uma vazão de 236 litros por segundo. De acordo com ele, a barragem possibilitará a criação de peixe, implementação de sistemas de irrigação nos assentamentos próximos e dará condições de aumentar a disponibilidade de água para Solânea e Bananeiras, abastecidas pela barragem de Canafístula.

Beneficiados – O agricultor aposentado Manoel Matias, de 90 anos, morador do sítio Jeraquatia, disse que sempre conviveu com o problema da falta d’água e vê na barragem a esperança de uma vida mais tranquila em seu lugar de origem. “Quando a água da cisterna acaba, temos que comprar no carro-pipa, e nem sempre o dinheiro sobra. Mas se temos água, não há lugar melhor para viver do que aqui”, disse.

A solenidade contou com as presenças do deputado federal Efraim Filho, dos deputados estaduais Hervázio Bezerra e Léa Toscano, e da prefeita de Bananeiras, Marta Ramalho, que falou em nome dos prefeitos de Serraria, Dona Inês, Logradouro, Caiçara e Alagoinha, que prestigiaram o evento.