Fale Conosco

11 de maio de 2013

Ricardo autoriza R$ 21,5 milhões para Campina Grande e região



ODE de CG ordem de serviço foto francisco frança 1 270x180 - Ricardo autoriza R$ 21,5 milhões para Campina Grande e regiãoO governador Ricardo Coutinho autorizou a abertura da licitação para a construção da Escola Técnica Estadual de Campina Grande e para construção da adutora de Massaranduba, na abertura da segunda plenária do ODE na 3ª região. Somente em Campina Grande e região foram autorizadas R$ 21,5 milhões em obras de construção de escolas, ginásios, unidades de saúde e adutoras.

Os investimentos em obras realizadas, em andamento e em licitação nos 23 municípios que integram a 3ª região chegam a mais de R$ 1,4 bilhão, o que demonstra o trabalho do Governo do Estado na região.   Ainda na plenária, o governador Ricardo Coutinho também liberou R$ 1,4 milhão em crédito do Empreender para 461 empreendedores, entregou 85 habilitações sociais, além de tablets, bicicletas e kits de robótica e esportivos.

ODE de CG plenaria foto francisco frança 22 270x180 - Ricardo autoriza R$ 21,5 milhões para Campina Grande e região“É um momento de orgulho, povo e governo construindo a primeira experiência de democracia direta e participativa da Paraíba. É isso que buscamos em cada uma das plenárias e o que conseguimos em Campina Grande e na 3ª região”, avaliou o governador. 

Formação Técnica-Serão investidos R$ 7,7 milhões na construção da escola técnica que vai contar com 12 salas de aula, auditório e laboratórios que seguem o padrão das outras cinco unidades que estão em construção na Paraíba. “Vamos levar o ensino técnico para servir ao polo calçadista, têxtil e aos estudantes de Campina Grande e região”, ressaltou Ricardo.   

ODE de CG tablet foto francisco frança 12 270x180 - Ricardo autoriza R$ 21,5 milhões para Campina Grande e regiãoAcesso a água- A adutora de Massaranduba, que vai garantir água para 7.500 pessoas, também foi autorizada pelo governador Ricardo Coutinho e pela prefeita Joana D’arc Mendonça na plenária. Serão 4.300 metros de adutora em um investimento superior a R$ 800 mil.  

No pacote de obras autorizadas ainda estão a construção do Instituto de Polícia Científica de Campina Grande (R$ 8,8 milhões), recuperação e reforma de escola e construção de uma quadra poliesportiva na escola José Pinheiro, em Campina Grande (R$ 1, 9 milhões), reforma da escola e do ginásio Willians de Sousa Arruda (R$ 510 mil), conclusão da escola Padre Emídio Viana, (R$ 279 mil), reforma da escola Melquíades Vilar, em Taperoá ( R$ 165 mil), conclusão da Escola Plínio Lemos, em Puxinanã (R$ 544 mil), reforma do prédio da Suplan, em Campina Grande, (R$ 284 mil).