João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo autoriza estrada de Catolé de Boa Vista e inaugura ala no Hospital de Trauma de Campina Grande

sábado, 3 de junho de 2017 - 15:55 - Fotos:  Secom-PB/ José Marques

O governador Ricardo Coutinho assinou, na manhã deste sábado (3), a ordem de serviço para pavimentação asfáltica da PB-138, trecho Catolé de Boa Vista/Boa Vista, com 16 km de extensão.  O investimento é de R$ 13 milhões com recursos do Tesouro Estadual. Em seguida, ele inaugurou a nova Ala Clínica do Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande.  Estiveram presentes, a vice-governadora Lígia Feliciano, deputados estaduais, auxiliares do Governo e lideranças da região.

A estrada de Catolé de Boa Vista, distrito de Campina Grande, vai beneficiar, aproximadamente, 400 mil habitantes de Campina Grande e Boa Vista. Cerca de 700 veículos passam diariamente pela rodovia. “Estamos fazendo uma grande caminhada rumo ao futuro da Paraíba. Daqui há dez anos, as cidades paraibanas estarão muito mais desenvolvidas, isso devido aos investimentos feitos nos últimos seis anos. Aqui em campina Grande fizemos a estrada de Jenipapo, a Avenida João Suassuana e muitas outras obras de mobilidade. Esta estrada de Catolé de Boa Vista/Boa Vista vai facilitar o deslocamento de moradores até outras cidades do Cariri e melhorar o comércio local. Serão investidos R$ 13 milhões nessa rota do desenvolvimento que vai passar por esse distrito”, pontuou o governador Ricardo Coutinho.

A rodovia de Catolé de Boa Vista/Boa Vista vai passar por serviços como terraplenagem em cortes e aterros, sistema de drenagem para águas pluviais e subterrâneas, pavimentação asfáltica, cercas de segurança da faixa de domínio e sinalização.

“Esta gestão que trabalha muito faz cerca de 1 km de asfalto, por dia, e conseguiu tirar todas as cidades da Paraíba do isolamento asfáltico. Quando isso aconteceu, no dia primeiro de maio, muitos acharam que o trabalho ia parar, mas estavam enganados, ainda tem muita estrada para fazermos. Esta aqui de Catolé de Boa Vista tem uma importância fundamental porque reduz a distância até Boa Vista e outras cidades. Em breve, o barro será trocado por asfalto da melhor qualidade”, disse o superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Carlos Pereira.

A dona de casa Joana de Sousa afirmou que está ansiosa para ver a estrada pronta, porque a dificuldade para passar pelo local é muito grande. “A partir de hoje vou contar os dias para que esta estrada fique pronta. Para a gente ir até Boa Vista e outras cidades leva muita poeira e tem que ir devagar porque existem vários buracos no caminho. Com fé em Deus essa situação vai mudar”, comemorou.

Hospital de Trauma – O segundo compromisso do governador, na manhã deste sábado, foi a inauguração da nova Ala Clínica do Hospital de Trauma de Campina Grande. A ala possui 18 leitos e é destinada a pacientes em situação de emergência clínica. A obra foi realizada através de uma parceria público-privada, entre a UniFacisa e o Governo do Estado. Cerca de R$ 400 mil foram investidos na obra.

Para o governador, investir em saúde é algo essencial para que as pessoas tenham um melhor atendimento nas unidades hospitalares e vivam melhor. “O convênio que fizemos com a Facisa tornou possível a chegada de uma nova Ala Clínica, com 18 leitos que melhorarão as condições daqueles que estão sendo atendidos pelo Hospital de Trauma de Campina Grande. Esse hospital é uma referência na região e inclusive recebe pacientes de outros estados e por isso esta ampliação se faz tão importante”, comentou Ricardo Coutinho.

O Hospital de Trauma de Campina Grande disponibiliza 292 leitos, 340 médicos, sendo 64 em regime de plantão presencial 24 horas.  O Hospital dispõe de seis salas no bloco cirúrgico e é referência em trauma para 203 cidades da Paraíba, além de receber a demanda de alguns municípios de estados vizinhos. Aproximadamente 200 pacientes são atendidos diariamente no local.

“Essa é uma inauguração importante do ponto de vista da ampliação do número de leitos, especialmente da clínica médica, considerando que ela não tem outra alternativa em Campina Grande. A rede municipal, basicamente, tem o Hospital de Trauma como o maior equipamento público de saúde. Então, a gente vê essa ampliação como relevante para a organização da própria assistência no Trauma”, observou a secretária de Estado da Saúde, Cláudia Veras.