João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo participa de assinatura termo para implantar sistema que controla custos hospitalares

quarta-feira, 10 de junho de 2015 - 17:31 - Fotos:  Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho participou, nesta quarta-feira (10), da solenidade de assinatura do termo de compromisso entre toda a rede hospitalar estadual para implantação do Sistema Apurasus, durante solenidade no auditório do Centro Formador de Recursos Humanos da Paraíba (Cefor-PB). O Apurasus é um sistema de informação disponibilizado pelo Ministério da Saúde, que tem o objetivo de promover a implantação, o acompanhamento e o controle dos custos hospitalares das unidades do Governo.

O evento, realizado por meio do Núcleo de Economia da Saúde da Secretaria de Estado da Saúde (SES), contou com a presença da secretária de Estado da Saúde, Roberta Abath; da secretária executiva da Saúde, Maura Sobreira; da coordenadora do Programa Nacional de Gestão de Custos do Ministério da Saúde, Maciene Mendes da Silva, além dos diretores e representantes de toda a Rede Hospitalar Estadual e das Unidades de Pronto Atendimento (UPA).

Durante a solenidade, os representantes das unidades de saúde estaduais também assinaram o termo de compromisso, o que garante a implantação do Apurasus, por meio do qual todos os dados de gastos nas unidades de saúde do Estado são parametrizados e, assim, calculados os custos dos atendimentos finais nas unidades de saúde.

O governador Ricardo Coutinho, na ocasião, destacou os avanços da saúde na Paraíba. “A saúde na Paraíba avançou em termos de ampliação da rede, afinal, dez hospitais foram abertos nessa gestão e é por isso que precisamos qualificar a saúde. Não existe feudo nessa área. O que existe é uma Secretaria de Saúde que coordena todos os hospitais e esse instrumento que estamos implantando é fundamental e vai servir para que haja um controle sobre todas as nossas unidades de saúde”, disse o governador, enfatizando que “com crise ou sem crise, nossa obrigação é cuidar bem do dinheiro que não nos pertence”.

Ricardo ressaltou que cada um dos diretores será pessoalmente responsabilizado pelo envio dessas informações para que a Secretaria possa trabalhar e aplicar cada vez melhor os recursos que pertence ao povo da Paraíba. “É fundamental aplicar melhor o dinheiro público e nós estamos construindo isso há muito tempo. Chegamos num momento de amadurecimento onde é possível fazer com que esse recurso seja melhor implantado para que a gente tenha uma gestão integrada”, falou.

Ele disse também que o Termo de Compromisso é de suma importância para regulamentar melhor todo o complexo hospitalar, a partir da geração de custos. E salientou que um dos grandes desafios da saúde brasileira é tratar a questão de custos como algo estratégico porque a saúde é cara e também porque não se faz saúde de forma barata.

Para a secretária de Estado da Saúde, Roberta Abath, a implantação do Apurasus traz a possibilidade de um melhor uso do recurso financeiro. “Com isso, temos a possibilidade de redução de até 20% no custeio da verba hospitalar, e, consequentemente, o melhor emprego da verba para a melhoria do próprio atendimento. O Apurasus é uma ferramenta de gestão que eu considero de relevância no país. A Paraíba está na vanguarda, pois, inclusive, temos a primeira Organização Social no país onde foi possibilitada a implantação do sistema de custos. Hoje a população recebe esse presente”, disse.

A secretária ressaltou ainda a importância da boa gestão dos gastos públicos no atual momento financeiro do país. “Os 33 hospitais assinam conosco esse compromisso. Eu pessoalmente venho acompanhando cada unidade, pois estamos em um ano de desafios do ponto de vista financeiro no nosso país. Todos nós precisamos, como exercício do dever, o emprego do melhor que nós temos na nossa ética, em gerir vidas de pessoas e otimizar os recursos, para melhor atender”, concluiu Roberta Abath.

A chefe do Núcleo de Economia da Saúde da SES, Shirleyanne Brasileiro, ressaltou a importância do Apurasus nas unidades hospitalares. “Com o Apurasus os gestores podem identificar em números precisos tudo o que é gasto em suas unidades”, reforçou.

A representante do Ministério da Saúde, Maciene Mendes da Silva, falou sobre a importância da gestão de custos na Paraíba. “Foi uma decisão interna do Governo da Paraíba implantar a gestão de custos, e isso para nós do Ministério da Saúde é muito gratificante, pois a gestão de custos é um indicador para um melhor planejamento e auxílio na tomada de decisões. A gente entende que é muito importante essa institucionalização da gestão de custos, dentro da SES e das Unidades de Saúde”, disse.

O diretor administrativo do Hospital de Emergência e Trauma, de João Pessoa, Edvan Benevides, ressaltou o fato de o hospital ser pioneiro na implantação do Apurasus, na Paraíba. “Há um ano estamos vivenciando essa experiência, e através do sistema de custos, a gente tem as ferramentas de controle de gastos efetivos, que não é só redução de gastos, e sim a otimização desse recurso para se utilizar em outras áreas do hospital e de assistência ao público”, explicou.