Fale Conosco

16 de março de 2015

Ricardo assina protocolo de intenções para receber Fórum Mundial de Internet, em novembro



O governador Ricardo Coutinho assina, nesta terça-feira (17), o protocolo de intenções entre o Governo do Estado e o Centro Gestor da Internet para a realização do Internet Governance Fórum (IGF) da Organização das Nações Unidas – ONU. Representantes da ONU, do Itamaraty e do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI) já estão na capital paraibana para participar da solenidade que acontece às 10h, no Salão Nobre do Palácio da Redenção.

A equipe ficará na cidade até o próximo dia 20 e também programou uma visita ao Centro de Convenções de João Pessoa, local que sediará, entre os dias 9 e 13 de novembro, a décima edição do IGF. Durante uma semana, João Pessoa será a capital mundial da Internet, e vai receber cerca de três mil pessoas de 130 países. Esta será a primeira vez que a região Nordeste receberá o evento.

Fazem parte da equipe Vyacheslav Cherkasov – Senior Officer/UNDESA, Janis Karklins (Ambassador Latvia) – IGF General Event Coordinator, Chengetai Masango – IGF/MAG Secretariat, Hartmut Glaser – Executive Secretary/CGI.br.

O secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos, do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia, João Azevêdo Lins Filho, ressaltou a importância do evento, que vai receber o Secretário-Geral da ONU, a presidente Dilma Roussef, chefes de Estado, empresários, pessoas e entidades ligadas à Tecnologia da Informação.

“No mundo, hoje, está se discutindo qual é a melhor maneira de se fazer a gestão da internet. Esse é um dos mais importantes eventos já realizados ao longo desses anos, primeiro porque é o encerramento de um ciclo e, segundo porque daqui de João Pessoa talvez saia uma carta que seja um indicativo para padronização desse tipo de governança”, explicou o secretário.

Ainda de acordo com João Azevêdo, além do Fórum, outros eventos paralelos também estarão acontecendo em vários pontos. “É um evento que, sem sombra de dúvidas, vai mexer com a cidade toda pela sua importância”, observou.

Fórum - O Fórum foi criado pela Organização das Nações Unidas no ano de 2006, pelo então secretário-geral, Kofi Annan, e vem sendo realizado anualmente em vários países. Esta será a primeira vez que a região Nordeste receberá o evento. A primeira vez que o Brasil sediou o IGF, foi em 2007, na cidade do Rio de Janeiro. O último aconteceu na Turquia, onde a Paraíba foi escolhida para sediar em 2015.

Em janeiro, o governador Ricardo Coutinho recebeu em audiência, na Granja Santana, o secretário executivo do Comitê Gestor da Internet no Brasil, Hartmut Glaser, e o diretor de Ciência e Tecnologia do Itamatary, Jandir Ferreira. Na ocasião, ficou definido que até o mês de maio será realizado o lançamento oficial do Fórum em João Pessoa.

O IGF é um evento criado a partir da Cúpula Mundial para a Sociedade da Informação (CMSI), que possuía um mandato de cinco anos, renovado em 2010. O 10º IGF, que será realizado no Brasil, é o último fórum do segundo ciclo. A expectativa é que o evento em João Pessoa recomende mais uma renovação de mandato – que deve durar no mínimo mais cinco anos – e que seja apreciada durante a Assembleia Geral da ONU, em dezembro de 2015. Já em Istambul, no IGF de 2014, houve manifestação para que o fórum seja permanente e não precise sofrer renovações de mandato.