Fale Conosco

7 de abril de 2014

Ricardo assina protocolo de intenções com sete empresas em Patos



O governador Ricardo Coutinho assinou, no sábado (5), durante audiência do Orçamento Democrático Estadual (ODE), na cidade de Patos, o protocolo de intenções junto a representantes de sete empresas que vão se instalar ou ampliar suas unidades no município. Com o objetivo de aumentar a geração de emprego e renda e movimentar a economia da região, os empresários receberam incentivos locacionais. A expectativa é de que os empreendimentos totalizem investimentos na ordem de R$ 6,2 milhões e gerem 293 empregos diretos.

A Cinep foi representada pela diretora de Operações, Eriene Rafael, que ressaltou a importância dos incentivos garantidos pelo Governo do Estado, por meio da Companhia. “Além de contribuir para o desenvolvimento através da geração de emprego e renda, os incentivos locacionais proporcionarão à região de Patos a atração de novos investimentos da cadeia produtiva ligada a essas empresas”, afirmou.

Com investimento estimado em R$ 1,1 milhão, que resultará na geração de 136 empregos diretos, a Associação Rede Gente de Supermercados construirá um centro de distribuição com o objetivo de fornecer produtos para as 23 lojas do grupo que funcionam em 14 municípios da Paraíba.

Para o presidente da rede, Paulo Amancio, a população da região não será beneficiada apenas com mais emprego e renda, mas também terá acesso a produtos mais baratos. “Os custos com a logística serão reduzidos e o consumidor vai poder comprar mais barato nas lojas da rede. Além disso, esperamos que essa melhoria na logística possa atrair novas empresas associadas”, destacou.

Outra empresa incentivada foi a Laticínio da Serra, que existe há 17 anos e agora tem a oportunidade de expandir seus negócios ao conseguir uma área apropriada para a fabricação de produtos derivados do leite em maior escala. A empresa vai investir R$ 460 mil e gerar 26 empregos diretos.

Segundo o empresário Eduardo Dantas, a expectativa é que, com uma estrutura mais adequada, o empreendimento cresça, no mínimo, 20% ao ano. “A empresa funcionava em uma área residencial e, por isso, não tínhamos mais como crescer. O incentivo locacional será muito importante para que o negócio cresça ainda mais”, disse.

As empresas que assinaram o protocolo de intenções foram: Associação Rede Gente Econômica de Supermercados, Construtora Cavasa Valas e Saneamento Ltda, Monaci Marques Dantas, Laticínio da Serra, Edmilson Martins da Nóbrega, Vidrocenter Indústria e Comércio de Vidros, e Tabajara Produtos Cerâmicos.