João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo anuncia R$ 2 milhões para melhorias nos asilos

quarta-feira, 2 de outubro de 2013 - 17:40 - Fotos:  José Marques / Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho assinou, na manhã desta quarta-feira (2), os convênios para a liberação de R$ 2 milhões para investimentos em reforma, e ampliação e custeio de 30 instituições de longa permanência para idosos (ilpis) em 20 municípios do Estado. O projeto Acolher, coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano (Sedh), vai resgatar a dignidade e melhorar a qualidade de vida de cerca de 1.400 idosos que vivem nestas entidades.

A solenidade reuniu centenas de idosos no Lar da Providência, no Bairro dos Estados, dentro da programação alusiva ao Dia Internacional da Pessoa Idosa, e contou com apresentações culturais dos grupos de idosos dos Centros Sociais Urbanos (CSUs), distribuição do Estatuto da Pessoa Idosa e atividades variadas.

Participaram da mesa de honra do evento a secretária de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos; o secretário chefe de Governo, Adriano Galdino; o deputado estadual Hervázio Bezerra; o secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira; a diretora do Lar da Providência, Raimunda Lopes; a professora da Universidade da Terceira Idade Yolanda Fernandes Leite; e a representante do Conselho Estadual da Pessoa Idosa, Juvinete Miranda Silva.

O governador Ricardo Coutinho destacou que o projeto Acolher foi um instrumento encontrado pelo Governo do Estado para ajudar as instituições a oferecerem melhores condições aos que vivem em asilos, como construção de piscinas para hidromassagem, reforma das casas, adaptação dos banheiros com corrimãos e piso antiderrapante, aquisição de máquinas de lavar e melhoria na alimentação das instituições. “Apresentamos um edital aberto disponibilizando R$ 2 milhões para todas instituições e 30 delas se inscreveram e receberão esse auxílio importante para melhorar a qualidade de vida de uma população que vinha sendo muito esquecida pelo poder público”, afirmou Ricardo.

De acordo com o governador, o Projeto Acolher também visa incentivar as visitas dos parentes aos idosos que vivem nas instituições com a realização de um dia especial no qual a Secretaria de Desenvolvimento Humano buscará os parentes para eles poderem visitar conversar e abraçar o idoso que vive longe de sua família.

Política habitacional- Ricardo Coutinho também informou que pretende até o final do ano inaugurar o condomínio Cidade Madura em João Pessoa com 40 casas confortáveis com área de lazer, espaços de convivência e unidade de saúde para idosos que possam viver sozinhos e pagarem uma aluguel social. “Estamos investindo R$ 4,4 milhões com recursos próprios para a construção do condomínio e vamos replicar essa ideia também em Campina Grande e Cajazeiras. Essa é uma ideia que tenho certeza será em breve replicada por outros Estados do país”, comentou.

A secretária de Estado de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos, explicou que os recursos destinados às Ilpis serão liberados em três parcelas: 50% de imediato para o início das obras e 25% a cada dois meses. Todo processo será acompanhado por uma equipe de monitoramento formada por técnicos da Agevisa, Sedh, Saúde e Corpo de Bombeiros.

Nessa etapa as entidades vão poder realizar as obras de melhorias nos banheiros, nos dormitórios, rampas adaptadas que são essenciais para que o idoso tenham uma qualidade de vida. Sabemos que o maior número de mortes que ocorre nesta idade é devido às quedas, que acontecem por falta de equipamentos adequados. Tudo isso, será disponibilizado através dos recursos que o Estado está repassando para cada Instituição”, ressaltou.

A diretora do Lar da Providência Carneiro da Cunha, Irmã Raimunda Lopes, disse que o recurso vai ser destinado a um projeto para construção de uma piscina para hidroginástica no local. “Tínhamos um grande sonho de fazer uma piscina para realizar aulas de hidroginástica para os idosos. Vamos começar a construir a piscina o mais rápido possível”, disse. O projeto de reforma do Lar da Providência está orçado em R$ 200 mil.

A necessidade de ter uma equipe de Governo de Estado voltada para as necessidades dos idosos que vivem institucionalizados foi externada em cada olhar e sorriso dos que participavam da solenidade. Um dos moradores do Lar da Providência, seu José Pedro Pereira de Castro, disse que a ação significa esperança para que as pessoas possam olhar os idosos com mais carinho.  “Obrigado pela atenção que o governador tem tido aos idosos institucionalizados da Paraíba. Com certeza, com este dinheiro, as irmãs vão realizar melhorias para a gente”, acrescentou.   

A vice-presidente do Conselho Estadual da Pessoa Idosa, Juvinete Silva, disse que o projeto será um divisor de águas para quem vive nas Ilpis. “Acolher com mais dignidade significará mais respeito e justiça, mais integralidade dos idosos do nosso estado. Isso nos alegra e emociona, pois nos torna mais dignos”, frisou.

Instituições beneficiadas – Das 37 Instituições que existem no Estado, duas foram interditadas durante fiscalização e permanecem fechadas, outras 35 puderam concorrer ao projeto por meio de edital. Dessas, 30 encaminharam projetos.

Estão sendo beneficiadas as Instituição São Vicente de Paulo (Campina Grande), Lar do Idoso Cirilo P. de Alencar (São José de Piranhas), Lar dos Idosos “O Reencontro” (Cajazeiras), Casa de Lázaro (Santa Luzia), Cecol (Pombal), Pousada dos Idosos Luzia Dantas (Picuí), Congregação Missionária da Sagrada Família (Uiraúna), Lar Sagrada Face (Lagoa Seca), Lar dos velhinhos (Patos), Instituição Espírita Nosso Lar (João Pessoa), Aspan (João Pessoa), Aspa (Santa Rita) e Asfa (Santa Rita).

Ainda foram beneficiadas as Instituições: Lar do Idoso Monte Sinai (Remígio), Abrigo São Vicente de Paulo (Guarabira), Casa do Idoso Vó Filomena (Cuité), Abrigo de Idosos Luca Zorn (Cajazeiras), Casa do Caminho (Sousa), Amem (Cabedelo), Casa do Idoso Viver Bem (Bayeux), Vila Vicentina Júlia Freire (João Pessoa), Abrigo dos Idosos Antônio Salvino (Alagoa Grande), Abrigo Bom Pastor (Belém), Fanuel (Cabedelo), Lar da Providência Carneiro da Cunha (João Pessoa), Lar dos Idosos (Coremas). Lar do Idoso Jesus de Nazaré (Patos) e Associação de Proteção e Amparo a Velhice (Sumé).