João Pessoa
Feed de Notícias

Restaurante Popular reabre para atender população de Santa Rita

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013 - 17:00 - Fotos:  Antônio David / Secom - PB

O Restaurante Popular de Santa Rita, em Tibiri, reabriu as portas nesta quinta-feira (21), depois de ter passado por melhorias para atender melhor os usuários.  O equipamento, mantido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano (Sedh), fornece 750 refeições diárias, de segunda à sexta-feira, ao preço de R$ 1,00.

A secretária da Sedh, Aparecida Ramos de Meneses, disse que uma das metas do Governo do Estado é oferecer um bom serviço à população. “O governador Ricardo Coutinho é rigoroso na qualidade do serviço prestado à população. A reforma do Restaurante Popular de Santa Rita teve como objetivo elevar a qualidade do serviço prestado”, enfatizou.

Para a recuperação do equipamento foram investidos R$ 146.729,78 entre obras estruturais, como a modernização da cozinha e a aquisição de novos equipamentos, além de revisões elétrica e hidráulica, pintura geral, assentamento e polimento do piso. Também foi feita a revisão e colocação de novas telhas.

Economia – Os usuários comemoraram a reabertura do Restaurante Popular de Santa Rita, pela economia que representa para o orçamento familiar.

Foi o que contou seu Vicente Manoel de Lima Júnior, que almoça com a esposa e duas filhas no local. “Aqui a gente tem uma economia significativa, tanto financeira, como de tempo. Venho sempre almoçar aqui e como sentamos todos juntos na mesa, conseguimos dar mais atenção também às crianças”, comentou.

Comida com qualidade – O técnico da Sedh responsável pelos Restaurantes Populares, Sizenando Ventura, informou que existem quatro Restaurantes Populares mantidos pelo Governo do Estado, que fornecem juntos 3,5 mil refeições.

“É meta do Governo do Estado fornecermos, neste ano de 2013, a marca de um milhão e setenta mil refeições para a população. Temos uma nutricionista do Estado que supervisiona as refeições e participa da elaboração dos cardápios”, disse.

A diretora do Restaurante de Santa Rita, Marleide Dantas, acrescentou que o equipamento ficou em reforma durante mais ou menos um mês, para atender às exigências da Vigilância Sanitária e do Núcleo Estadual de Segurança Alimentar.