Fale Conosco

16 de setembro de 2013

Reeducando é campeão de torneio Norte-Nordeste de Jiu-Jitsu em Recife



O reeducando Isaque Lucas de Carvalho, mais conhecido no universo do jiu-jitsu por ‘Golias’, de 28 anos, foi o campeão da categoria pesadíssimo na segunda etapa do Campeonato Norte Nordeste, realizado nesse sábado (14) e domingo (15), em Recife, Pernambuco.

Essa foi mais uma batalha vencida e mais um passo para a conquista da liberdade. Sabemos que o jiu-jitsu é um esporte ainda pouco difundido no nosso Estado e, por conta disso, o empresariado ainda não investe nos atletas como deveria. Entretanto, foi muito gratificante representar bem o Estado da Paraíba e conquistar a medalha de ouro num campeonato da envergadura do Norte Nordeste, que conta com a elite do esporte da região”, disse o atleta.

Ele agradeceu a todos que o ajudaram, em especial, a equipe Mário Sukata, através do professor Júnior Ribeiro. “Estendo o agradecimento ao advogado Pietro Galindo, ao juiz de Execuções Penais de João Pessoa, Carlos Neves, e ao apoio da Seap, na pessoa do secretário Wallber Virgolino, pois um sonho que se sonha sozinho se torna mais difícil, mas um sonho sonhado coletivamente é mais fácil de tornar realidade”, completou.

Para o secretário da Administração Penitenciária, Wallber Virgolino, é necessário ofertar oportunidade para que as pessoas que cometeram algum erro e estão pagando por ele possam mostrar o que estão fazendo, e consequentemente, quebrar preconceitos. “A nossa filosofia de trabalho é disponibilizar a oportunidade de ressocialização, seja através do esporte, como neste caso, pela educação, capacitação e profissionalização. Aproveito esta oportunidade para parabenizar Isaque Lucas por esta conquista. Espero que possa ajudá-lo na sua caminhada e servir de exemplo para outras pessoas que vivenciam situações semelhantes”, destacou o secretário.

‘Golias’ cumpre pena em regime semi-aberto na Penitenciária de Segurança Média, na Capital. O atleta é faixa roxa master de jiu-jitsu, tem 1,78m de altura, 132 kg e concorreu na categoria pesadíssimo, destinada a atletas acima de 95 kg. Ele atua há mais de nove anos no esporte, já tendo sido campeão paraibano por duas vezes e campeão do Torneio Interno Gracie Barra, ocorrido na praia do Poço. “Foi mais um momento especial, porque esta conquista foi a segunda logo após o período que fiquei recluso”, finalizou.