João Pessoa
Feed de Notícias

Rebanho de caprinos e ovinos do Nordeste se fortalece com genética da Emepa

segunda-feira, 29 de agosto de 2016 - 11:05 - Fotos:  Secom-PB

A qualidade da genética caprina e ovina da Paraíba chama a atenção de criadores de todo o Nordeste, que desejam melhorar seus rebanhos. Durante leilão na Estação Experimental de Pendência, em Soledade, no sábado (27), foram adquiridos todos os animais colocados à venda, proporcionando um volume de recursos da ordem de R$ 149 mil. Um animal da raça Dâmara foi arrematado por R$ 10.200,00.

Segundo o chefe da Estação Experimental de Pendência, Leonardo Medeiros, o leilão deste ano ganhou uma dimensão ainda maior com a participação de criadores de Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Bahia e, como destaque, a Paraíba. “O alto grau de confiança na genética caprina e ovina produzida pela Emepa é comprovado pela procura e a participação nos leilões, como aconteceu neste realizado agora”, comentou.

Para o presidente da Gestão Unificada Emepa/Interpa/Emater, vinculada à Sedap, Nivaldo Magalhães, a participação de criadores no leilão comprova a excelência do trabalho de alto nível da equipe de pesquisadores. O diretor técnico da Emepa, Manuel Duré, informou que foram leiloados animais das raças caprinas e ovinas Savana, Anglo Nubiana, Saanen, Boer, British Alpine, Parda Alpina e de ovinos das raças Dorper, Dâmara e Santa Inês.

Foram 72 lotes, sendo quatro caprinos machos Savanas, três machos Anglo Nubiana, seis fêmeas também Anglo Nubiana, três Saanen, dois Boer e seis fêmeas Boer. Das raças ovinas, foram 21 machos Dorper e cinco fêmeas, seis machos Dâmara e quatro machos e nove fêmeas Santa Inês.

Integrante da Gestão Unificada, a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária – Emepa realiza pesquisas na caprinocultura de excelência, para contribuir com o melhoramento genético das raças caprinas e ovinas da Paraíba e do Nordeste. Os leilões são oportunidades para que os criadores acessem os produtos das pesquisas de melhoramento genético.