João Pessoa
Feed de Notícias

Publicação tem trabalhos de profissionais da área, edição semestral e será distribuída gratuitamente

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009 - 19:52 - Fotos: 

Procuradores, desembargadores, juízes e representantes de entidades jurídicas participaram na tarde desta segunda-feira (14) do lançamento da Revista da Procuradoria Geral do Estado da Paraíba. A solenidade ocorreu no prédio da instituição e foi presidida pelo procurador geral Edísio Souto.

Em breves palavras, Edísio disse que a revista é uma coletânea de artigos, peças processuais e pareceres jurídicos de procuradores, juízes e desembargadores. O impresso foi criado com o objetivo de disseminar os conhecimentos dessa área e terá publicação semestral, sendo distribuído gratuitamente.

Contribuição – “A gente decidiu que a Procuradoria teria sua revista em outubro deste ano e demos o prazo para publicá-la até o dia 31 de dezembro. Ela é uma revista que tem trabalho de juízes, desembargadores e procuradores. A leitura é direcionada aos profissionais e estudantes da área jurídica. Não será comercializada, porque é uma contribuição do governo e terá, inclusive, uma versão física e outra on-line”, completou o procurador geral.

Ele explicou que a Procuradoria Geral da Paraíba não tinha uma revista científica própria. E, por este motivo, os procuradores paraibanos não tinham o que apresentar durante os congressos nordestinos da área. “Quando participávamos desses encontros, víamos os procuradores de outros Estados falarem de suas revistas, mas nós não tínhamos o que falar. Agora, o governador José Maranhão resolveu isso”, afirmou o procurador geral. 

Compromisso – Composta por 252 páginas que abordam temas ligados à advocacia pública, democracia e cidadania, a Revista da PGE foi criada com recursos do Governo do Estado e impressa na Gráfica Santa Marta.

O secretário de Cidadania e Administração Penitenciária, Roosevelt Vita, destacou que o lançamento do periódico mostra o compromisso do atual governo também com o desenvolvimento intelectual no Estado. “Apesar de o governador José Maranhão ser conhecido como mestre de obra, ele se sente feliz em saber que em meio às obras de concreto há esta revista em que ele ajudará a espalhar a sabedoria”, declarou.    

O conselho editorial é composto por Solon Henriques de Sá e Benevides (presidente), Delosmar Domingos de Mendonça, Marcos Antônio de Andrade, Hamanda Rafaela Leite Ferreira (secretária-executiva), Felipe de Lira Souto e todos os procuradores. A edição e editoração foram realizadas pelo jornalista Evandro Nóbrega e a capa idealizada por Milton Nóbrega. A previsão é que no dia 14 de junho seja lançado o segundo número da revista.

O evento teve a presença de várias autoridades. Entre elas, estavam o procurador e secretário de Cidadania e Administração Penitenciária, Rooselvet Vita, que representou o governador José Maranhão; o reitor do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê), José Loureiro; o presidente da Associação dos Procuradores da Paraíba, Francisco de Assis Camelo; o desembargador Afrânio de Melo, presidente do Tribunal Regional do Trabalho, além da defensora pública geral, Fátima Lopes.

Nathielle Ferreira, com fotos de João Francisco, da Secom-PB