Fale Conosco

6 de julho de 2012

Provas do concurso para PBGÁS serão realizadas neste domingo



Quase dois mil candidatos, em João Pessoa, estarão neste domingo se submetendo às provas do concurso para preenchimento de vagas na Companhia Paraibana de Gás (PBGás). De imediato, a empresa deverá preencher 12 vagas já no mês de setembro próximo, em cargos de carreira profissional de nível superior e nível médio técnico.

As provas serão realizadas em dois turnos na Central de Aulas da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), campus I, em João Pessoa. A PBGás orienta aos inscritos para que cheguem ao local com uma hora de antecedência. O primeiro turno, a partir das 8h, será para os candidatos de nível médio, num total de 1.334 inscritos. Já o turno da tarde, a partir das 14h, será para os candidatos de nível superior, com um total de 603 inscritos.

O concurso está sendo coordenado pelo Instituto de Estudos Superiores do Extremo Sul (Ieses), cuja equipe já se encontra em João Pessoa para os preparativos da prova. O Coordenador Geral de Aplicação de Provas do Ieses, Jorge José Pereira, adiantou que, já a partir deste sábado, por volta das 13 h, os candidatos interessados podem se dirigir à Central de Aulas da UFPB para melhor localizarem a sua sala de provas. “A partir da tarde do sábado, estará disponibilizado um mural com a relação dos candidatos e local de cada turma”, disse.

Jorge informou ainda que haverá um total de 47 salas com 42 candidatos em cada uma; e advertiu que os candidatos devem levar somente documento oficial com foto, além de caneta azul ou preta. Candidatos com aparelho de celular ou qualquer elemento além do permitido terão que deixar os objetos dentro de um saco lacrado, que ficará com a fiscalização. Os banheiros terão fiscais com detectores de metal e os candidatos só poderão se retirar da sala após o transcurso de uma hora do início da prova. Não será aceito Boletim de Ocorrência (BO) como prova do documento de identificação pessoal.

O concurso para vagas na PBGás foi lançado em maio a fim de melhor atender o número de clientes que a companhia vem conquistando nas áreas residencial e comercial. Para se ter uma ideia, segundo informou o diretor-presidente em exercício, David dos Santos Mouta, a empresa teve um aumento de 150% em apenas um ano, de 2011 a 2012, na conquista de clientes do segmento residencial.

Ele disse ainda que o preenchimento dessas vagas, já previsto para setembro próximo, é para a realização das atividades operacionais na rede de distribuição de gás natural. “Além de suprir essas necessidades, a empresa vem repor algumas vagas que se encontram em aberto, sobretudo em razão do crescimento dos mercados residencial e comercial”, reforçou David Mouta.