Fale Conosco

24 de novembro de 2011

Proteção Radiológica é tema de palestra no Hospital de Emergência e Trauma



O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena promoveu nesta quarta-feira (23), dentro da 1º Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (Sipat), a palestra “Proteção Radiológica”, que foi ministrada pelo professor de radiologia e especialista em radioproteção Gleydson Nicolau Bastos. Na ocasião, o professor esclareceu varias dúvidas dos profissionais presentes no auditório, especialmente os que trabalham no Centro de Diagnóstico de Imagem (CDI), enfermeiros e técnicos de enfermagem.

Na apresentação de Bastos, ele explicou o que é proteção radiológica e os possíveis efeitos indesejados causados pela radiação ionizante proveniente de fontes produzidas pelo homem ou de materiais modificados tecnologicamente. “É importante conscientizar os vários profissionais de saúde sobre os mitos e verdade das radiações ionizantes. Muitos têm preconceitos infundados, mas com pequenas explicações conseguem entender o funcionamento real dos aparelhos radiológicos”, destacou o professor.

A coordenadora do Centro de Diagnóstico de Imagem (CDI) do Trauma, Anne Aragão, explicou que a área de radiologia do hospital está em constante transformação, desta forma, encontros científicos que promovam a discussão relacionada aos equipamentos da unidade, proteção e interação são primordiais para o crescimento dos profissionais da área. “Ainda existem muitos mitos sobre o uso coreto da radiação, por isso, é importante investir constantemente na educação continuada de nossos colaboradores”, frisou.

O CDI do Hospital de Emergência e Trauma realiza em média 6 mil procedimentos por mês, entre raios-X, tomografias com contraste e sem contraste, ultrassom, endoscopia, broncoscopia  e angiografias.