João Pessoa
Feed de Notícias

Projetos produtivos renovam a esperança de famílias agricultoras assentadas no Sertão

quinta-feira, 3 de agosto de 2017 - 11:21 - Fotos:  Secom-PB

Famílias agricultoras da reforma agrária de seis assentamentos do Município de São José de Espinharas, no Sertão Paraibano, estão comemorando os benefícios que terão com a implantação de projetos produtivos do Programa Nacional da Agricultura Familiar (Pronaf), do Banco do Nordeste, a partir de uma ação coordenada e executada pelo Governo do Estado, por meio da Emater-PB, integrante da Gestão Unificada, vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap).

Em São José de Espinharas os investimentos no setor produtivo rural já ultrapassam R$ 1,5 milhão. Até o dia 31 de julho, já haviam sido contratados 21 projetos familiares num montante de R$ 543.707,60, com a expectativa de que até final do ano outras 40 famílias serão contempladas, segundo o engenheiro agrônomo Jailson Lopes da Penha e o médico veterinário Expedito Camboim, responsáveis pelos projetos.

De acordo com Jailson, os assentamentos estão localizados no município de São José de Espinharas, região administrativa de Patos nas comunidades Oziel Alves Pereira, Maria da Paz, Nova Santana, Tiradentes I, Novas Espinharas e Cachoeira e as principais atividades trabalhadas são Bovinocultura de leite, caprinovinocultura e avicultura de postura.

Beneficiada com as ações já implantadas no assentamento Maria da Paz, onde mora, a agricultora familiar Joseli da Silva ressaltou que a participação dos extensionistas da Emater está sendo fundamental para a garantia da produção agrícola, ressaltando, por exemplo, a recuperação do rebanho bovino, além da contribuição para a melhoria da qualidade de vida das pessoas ali residentes. “Essa presença nos ajuda a melhorar o rebanho, pois vivo da minha renda com leite”, afirmou.

Outro agricultor que também comentou o trabalho executado pela equipe do governo e do banco, foi Joerlandio Gualberto, do Assentamento Osiel Alves Pereira: “Fiz para segurar a raiz no ramo de leite e por força dos meninos (filhos), que pediam melhorarias na queijeira. Aí vou adquirir uma forrageira, uma ordenhadeira, seladora a vácuo e vacas para aumentar a produção de leite e com isso melhorar nosso queijo”, comemorou.

O coordenador regional da Emater em Patos, Francisco Acácio, reitera a determinação da direção da Gestão Unificada, na pessoa do presidente Nivaldo Magalhães, e do Governo do Estado, em apoiar as famílias agricultoras da Região, buscando soluções para uma retomada da produção agropecuária mesmo em face do período de estiagem. Toda equipe regional, trabalha sob a supervisão do assessor regional de Crédito Rural, José Bezerra Filho que atua em parceria com a Gerência do Pronaf do BNB – Klebio Dantas, numa perspectiva de que o investimento proveniente do crédito rural chegue ao maior número de famílias possíveis neste ano.