João Pessoa
Feed de Notícias

Projeto Prima já beneficia mais de mil crianças e jovens de nove cidades

quinta-feira, 28 de novembro de 2013 - 11:41 - Fotos:  Alberi Pontes/Secom-PB

O Programa de Inclusão através da Música e das Artes (Prima), um projeto paraibano de orquestras jovens, que também inclui corais e bandas, já está presente em nove cidades e ensina música instrumental a cerca de 1.200 crianças e adolescentes. Todos os participantes estão matriculados regularmente em escolas públicas.

O Prima é um programa que utiliza a música como ferramenta para a inclusão social e disponibilização de oportunidades para crianças e adolescentes do Estado da Paraíba, especialmente aqueles de regiões carentes.

O programa é coordenado pelo maestro Alex Klein, responsável pela gestão e implantação, bem como o acompanhamento pedagógico, e tem como diretor executivo o músico e gestor cultural, Milton Dornelas. “Nós já estamos no segundo ano de trabalho e já adquirimos instrumentos para montar orquestras em todos esses polos, e a maioria dos instrumentos já foi entregue”, explica Milton Dornelas. Os investimentos somam cerca de R$ 5 milhões na compra dos instrumentos.

Desenvolvido em parceria entre as Secretarias de Estado da Educação e da Cultura, o Prima já levou apresentações a diversas cidades. Hoje o programa tem um corpo docente de 50 profissionais que ensinam música às crianças e adolescentes. “O foco principal não é ser uma escola de música e sim um trabalho de inclusão através da música e das artes”, destaca Milton Dornelas. O projeto abre portas para futuros cidadãos paraibanos e no meio surgem alguns talentos musicais, jovens que um dia poderão decidir cursar faculdade de música, por exemplo.

Os polos em João Pessoa estão instalados em escolas públicas estaduais nos bairros de Alto do Mateus e Bairro dos Novais. Em Cabedelo existem polos nas comunidades do Jacaré, Renascer e Fortaleza de Santa Catarina. Com dois anos de funcionamento o Prima também já instalou polos em Santa Rita, Guarabira, Campina Grande, Itaporanga, Patos, Catolé do Rocha e Cajazeiras.

Em Recife – No dia 1° de outubro passado o Prima fez sua primeira viagem a outro Estado, realizando dois concertos em Recife (PE). O evento foi idealizado pela professora Lucíola Fernandes, coordenadora do polo de ensino de Jacaré/Renascer, parte do grande polo de Cabedelo.

Antes de unir-se ao corpo docente do Prima, a professora Lucíola lecionou na Escola Internacional de Aldeia (EIA), uma escola particular de renome na cidade de Recife, e que serve a famílias com alto poder aquisitivo. Ao comentar com a direção da EIA sobre os avanços dos alunos do Prima, a professora Lucíola teve a idéia de unir as duas turmas em uma visita do projeto a Recife.