Fale Conosco

6 de julho de 2012

Projeto Cooperar construirá abatedouro que vai beneficiar 100 produtores



Cerca de cem produtores rurais dos municípios de Monteiro, Zabelê, Sumé e Prata serão beneficiados com a construção de um abatedouro de frangos que vai fortalecer o comércio desse produto. Uma equipe do Projeto Cooperar está analisando as condições técnicas para a obra, que também deve beneficiar os municípios vizinhos. Mais de R$ 400 mil serão investidos.

“Neste momento, estamos avaliando o melhor local para a construção do abatedouro, verificando as necessidades primordiais relacionadas à obra e aproveitando para conhecer de perto a atividade que já é praticada naqueles municípios, mas que precisa ser fortalecida”, declarou o gestor do Projeto Cooperar, Roberto Vital. A análise é feita principalmente no município de Monteiro, que servirá de pólo para a construção do abatedouro e que deve atrair o frango produzido em toda a região.

De acordo com Roberto Vital, a produção atual é vendida apenas no município de origem ou no máximo em locais próximos. A idéia é profissionalizar a atividade, reforçar a produção e assim expandir as vendas. “Hoje, os frangos são abatidos de forma manual e não há muitos equipamentos voltados ao que é produzido. A intenção do Governo do Estado é tornar tudo mais prático, mecânico e com possibilidades de fazer a produção chegar a todo o País”, disse.

“Nós queríamos profissionalizar a produção e assim ter condições de expandir o mercado. Infelizmente, faltava orientação e dinheiro. A construção do abatedouro será muito importante nesse sentido”, avaliou Clemilda Inácio da Silva Bezerra que é produtora de frango e secretária de Agricultura do Município. Ela disse que há quatro anos os produtores começaram a se capacitar pelo Sebrae, de olho na concorrência do mercado.

A previsão é de que a construção do abatedouro de frangos comece nas próximas semanas, já que o prazo de entrega da estrutura é dezembro deste ano.