Fale Conosco

23 de julho de 2012

Programa de artesanato do IASS-PB apresenta primeiros resultados



espaço do idoso criar no IASS  foto joao francisco secom pb (8) Foto: João Francisco/Secom-PB

A primeira turma participante do ”Espaço para Criar” conclui o semestre apresentando os resultados das aulas de artesanato e trabalhos manuais. Lançado no início do ano pela Superintendência Estadual do Instituto de Assistência à Saúde do Servidor (IASS), o novo programa é mais um benefício oferecido pelo Governo do Estado aos servidores efetivos, aposentados e pensionistas com idades a partir de 60 anos.

Coordenado pelo Setor de Psicologia do instituto, o novo serviço utiliza técnicas da arte-terapia como instrumento no combate ao estresse e à melhoria da qualidade de vida. As aulas acontecem as segundas, quartas e quintas-feiras, com opções pelos turnos da manhã e da tarde.

As oficinas de arte são ministradas em um espaço reservado nas dependências do prédio da Superintendência Estadual, no bairro Jardim Treze de Maio, com duração de quatro horas.

Oportunidades – Entre as 30 alunas matriculadas está a pensionista dona Maria de Lourdes, de 70 anos, que depois de mais de duas décadas longe das artes pode voltar a fazer o que gosta. “Estou muito feliz, porque essa aula prá mim é uma diversão”, disse ela.

O método utilizado trabalha dinâmicas de integração para a socialização do grupo. Dona Maria do Carmo, aposentada de 66 anos, conta que já pode experimentar melhorias na qualidade de vida, nesses primeiros meses de aula. “Eu fico contando os dias para chegar a próxima aula, porque aqui eu me realizo”, completou.

Os encontros promovem a interação entre os participantes e, além do aprendizado, contribuem com o bem estar físico e mental. O conhecimento repassado já começa a oferecer novas oportunidades. Dona Maria da Penha, aposentada de 74 anos, conta que a arte já está trazendo lucro para a família. “Eu já estou começando a receber encomendas e, assim, ganhando um dinheirinho extra”, comemora.

Método – As oficinas são coordenadas  por psicólogas e assistentes sociais do Serviço de Psicologia do IASS/IPEP-PB. A equipe trabalha em grupo, um modelo diferenciado de assistência psicológica. Aproveitando momentos de descontração, a equipe interdisciplinar utiliza uma abordagem interativa e de estímulo à criação.

“Nas técnicas empregadas, exploramos o potencial criativo das alunas. No apliquê, por exemplo, as peças ganham forma a partir da composição de figuras recortadas em pedaços de tecido”, explicou Norma Tanouss, psicóloga coordenadora do serviço.

As tarefas de criação e produção das peças estimulam as habilidades psíquicas e motoras das alunas. A cada novo trabalho manual iniciado, a capacidade de raciocínio é exercitada juntamente com a concentração, memória e atenção, estímulos que devem ser explorados nessa fase da vida, proporcionando satisfação e equilíbrio emocional.

As inscrições são gratuitas e os interessados, devem se dirigir ao prédio da Políclinica do IASS/IPEP-PB, situado no bairro Jardim 13 de Maio. As vagas são limitadas e os candidatos devem apresentar os documentos pessoais no ato da matrícula.

Para obter mais informações, aposentadas e pensionistas podem ligar para o telefone 8615-8797 e falar com Norma ou se dirigirem à Superintendência do IASS-PB.