João Pessoa
Feed de Notícias

Programa ‘Olhar Brasil’ da PB servirá de modelo para Pernambuco

sexta-feira, 30 de abril de 2010 - 11:48 - Fotos: 

A operacionalização do Programa ‘Olhar Brasil’, na Paraíba, servirá de modelo para Pernambuco. Esta semana, representantes da Secretaria de Estado da Saúde de Pernambuco (SES-PE) se reuniram com a coordenação do programa para conhecer a experiência executada pelo Governo da Paraíba. Em menos de um ano, foram realizadas 62 mil consultas oftalmológicas e entregues quase 16 mil óculos. A meta é atender 116 mil estudantes com 15 anos ou mais de idade. Na próxima semana, as ações serão levadas a oito municípios e deverão beneficiar 5.405 pessoas.

O ‘Olhar Brasil’ foi criado em 2007 pelo Governo Federal e tem o objetivo de diagnosticar erros de refração (dificuldade de enxergar) nos estudantes da rede pública de ensino, evitando a evasão escolar. As ações são executadas pelas secretarias de Estado da Saúde e de Educação, com o apoio das prefeituras municipais. A Paraíba foi o quarto estado brasileiro a iniciar os atendimentos.

“Viemos à Paraíba para conhecer um trabalho que vem sendo elogiado nos fóruns específicos do ‘Olhar Brasil’, inclusive no último que aconteceu no inicio de abril, em Fortaleza. O nosso objetivo é pegar a experiência de quem já tem o programa implantado e está dando certo, e levar para Pernambuco, de forma a otimizar os nossos trabalhos, que ainda estão no inicio”, disse a gerente de Rede Assistencial da SES-PE, Ana Cláudia Cantanhede.

Adesão – Além de ter a Paraíba como modelo de execução do ‘Olhar Brasil’, a SES-PE vai solicitar adesão à ata de registro de preço realizada no Estado para a compra dos óculos de grau, que deverão ser entregues aos alunos de lá. “Passamos por umas mudanças lá na SES-PE e isso dificultou o inicio do processo. Como agora estamos vencendo essa etapa burocrática, nada mais adequado do que recorrer a SES-PB, que está com um passo mais adiante”, disse Ana Cláudia. Em Pernambuco, o programa deve começar na segunda quinzena de maio, beneficiando 81 mil estudantes.

Além de Ana Cláudia, participou da reunião, a coordenadora de acesso às redes assistenciais da SES-PE, Dayan Fabrício. Elas foram recebidas pela coordenadora do ‘Olhar Brasil’, na Paraíba, Niedja Rodrigues. “Estivemos recentemente em Fortaleza, apresentando a nossa experiência e recebemos muitos elogios. As ações do programa na Paraíba deveriam ter começado a ser executadas em 2008, mas faltou interesse da gestão anterior, além de vontade política. O governo atual assumiu em fevereiro e, em junho, as consultas estavam sendo realizadas”, disse Niedja.

Mais atendimentos – A partir da próxima segunda-feira, a equipe do programa realizará atendimentos em Água Branca, Juru, Manaíra, Princesa Isabel, Tavares, São José de Princesa, Imaculada e Pedras de Fogo. Confira a tabela abaixo:

DATA MUNICÍPIO HORÁRIO LOCAL NÚMERO DE ALUNOS
3/5 São José de Princesa A partir das 13h30 Escola Estadual Nominando Diniz, no Centro 500
4/5 Manaíra 7h30 às 12h30/ 13h30h às 18h00 Escola Estadual Cícero Rabelo, no Centro 705
5/5 Tavares 7h30 às 12h30/ 13h30h às 18h00 Escola Estadual Adriano Feitosa, no Centro 800
6/5 Juru 7h30 às 12h30/ 13h30h às 18h00 Escola Estadual América Florentino, no Centro 500
6 e 7/5 Pedras de Fogo 7h30 às 12h30/ 13h30h às 18h00 Secretaria de Educação, na Rua Dr. Manoel Alves, 150 (em frente à Prefeitura) 800
7/5 Água Branca A partir das 7h30 Escola Estadual José Nominando Diniz, no Centro 500
7/5 Imaculada A partir das 13h30 Escola Estadual Miguel Otaviano, no Centro 600
8/5 Princesa Isabel 7h30 às 12h30/ 13h30h às 18h00 Hospital São Vicente de Paula, no Centro 1.000

Da Assessoria de Imprensa da SES-PB