Fale Conosco

7 de maio de 2013

Procon-PB constata variação de até 111% nos preços de cestas de café da manhã



As cestas de café da manhã, que são bastante procuradas em datas comemorativas, como o Dia das Mães, apresentam uma variação de preço de até 111% nos estabelecimentos em João Pessoa. Os dados integram nova pesquisa de preços realizada pelo Procon-PB.

Conforme o levantamento de preços, o valor das cestas de café da manhã personalizadas, que na maioria dos casos incluem também brindes como canecas decoradas, varia de R$ 95 a R$ 200, uma diferença de R$ 105, ou 111%.  Já no caso das cestas tradicionais, que não incluem brindes, mas apenas itens alimentícios, os preços variam de R$ 85 a R$ 130, uma diferença de R$ 45 ou 53%.

A coordenadora de Educação para o Consumo do Procon-PB, Meriene Soares, alerta que os consumidores devem ficar atentos aos preços, mas também aos itens que cada empresa oferece na cesta. “O preço pode variar também de acordo com o que cada estabelecimento oferece na cesta de café da manhã. Por este motivo, na pesquisa completa, que pode ser acessada no site do Procon-PB, além dos preços, também estão discriminados os produtos contidos em cada cesta”, comentou.

A pesquisa, realizada entre esta segunda (6) e terça-feira (7), levou em consideração dois tipos de cestas de café da manhã (tradicionais ou personalizadas), vendidos em nove estabelecimentos de João Pessoa. O levantamento completo pode ser conferido na página do Procon-PB na internet (www.procon.pb.gov.br), no link ‘Pesquisa de preço’, ou na sede do órgão, localizada no Parque Solon de Lucena, na capital.

 FLORES – O Procon-PB realizou também levantamento de preços das flores em João Pessoa. Conforme a pesquisa realizada nesta segunda-feira (6), a variação entre os estabelecimentos pesquisados chega a 233%. A maior diferença de valores foi verificada no ramalhete pequeno de flores do campo, que pode ser encontrado entre R$ 15 e R$ 50.

Também foram observadas grandes variações no valor da unidade da flor do campo da rosa regional. Ambas apresentaram diferença de 67% entre os estabelecimentos pesquisados. Ao todo, foram levantados os preços de 18 itens, em oito floriculturas localizadas em João Pessoa.