Fale Conosco

4 de dezembro de 2014

Procase promove feira de conhecimento sobre a renda renascença  



O projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase), em parceria com a corporação chilena Procasur, realiza neste sábado (6) e domingo (7), no município de Monteiro, a primeira Feira de Conhecimentos com o tema “Tecendo e disseminando conhecimentos na arte da Renascença”. A proposta do evento é ampliar o diálogo e a integração entre grupos de rendeiras de diferentes partes do Nordeste, evidenciando aspectos da cadeia produtiva da renascença na região.

Cerca de 60 mulheres de grupos, associações e cooperativas estão sendo esperadas dos estados de Pernambuco, Paraíba, Sergipe, Ceará e Piauí. Entre os objetivos do encontro está o de oportunizar às rendeiras a possibilidade de compartilhar conhecimentos e saberes, mas também de apontar os desafios, as fragilidades, as chaves de sucesso e os êxitos enquanto coletivos que estão no semiárido.

“Nesse espaço teremos a oportunidade de evidenciar o ofício das rendeiras, que muitas vezes não são reconhecidas pelo mercado. Queremos colocar em discussão as condições de trabalho, e os caminhos de comercialização da renascença, para ampliar a rentabilidade e a valorização dos grupos de mulheres que trabalham com a renda no Cariri paraibano”, comenta a coordenadora do Procase, Dirce Ostroski.

Na programação do evento constam palestras, debates e rodas de conversas ligadas a cadeia produtiva da renda renascença, como tendências de moda, designer, comercialização, produção do conhecimento, organização e gestão, linhas de crédito e financiamento.

Um dos painéis terá a participação do estilista Pantera Costa falando sobre inovação e profissionalização da renda. Outros profissionais também contribuirão para os espaços de reflexões, como Milton Nascimento, do Banco do Nordeste; Lúcia Lira, da organização Cunhã Coletivo Feminista; e Lia Poggio, da Procasur. Ainda haverá a presença de agentes da Cáritas Diocesana de Pesqueira, do agreste pernambucano.

NOITE CULTURAL – No sábado (6) a partir das 18h30, acontece na Praça de Alimentação, no centro de Monteiro, um conjunto de atividades para celebrar e chamar à atenção da sociedade para a Renascença nos aspectos culturais e econômicos da região. Na programação, exposição e comercialização de peças de renda, desfile com as próprias mulheres rendeiras e suas produções, lançamento da cartilha “Mãos Rendeiras”, e atrações culturais com o grupo Pífano Perfumado, Otávio do Acordeon e a banda marcial do Instituto Federal (IFPB).

O PROCASE – Resultado da parceria entre o Governo do Estado e o Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (FIDA), o Procase beneficiará projetos de associações e cooperativas rurais de 56 municípios do semiárido paraibano, onde serão investidos US$ 49,6 milhões, aproximadamente R$ 100 milhões, sendo 50% dos recursos oriundos do FIDA e 50% do Governo, para um período de seis anos.