João Pessoa
Feed de Notícias

Primeira vez no ano: Ideme aponta redução no preço da cesta básica na Capital

sexta-feira, 2 de setembro de 2016 - 11:24 - Fotos:  Secom-PB

O preço da cesta básica na cidade de João Pessoa ficou mais barato 0,11% no mês de agosto, ficando o acumulado no ano em 18,07% e nos últimos doze meses em 21,54%. Essa foi a primeira queda registrada nos últimos doze meses pelo Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual (Ideme). A última ocorreu em setembro de 2015 (-2,61%). O custo total da cesta foi de R$ 373,11, representando aproximadamente 42,40% do salário mínimo.

De acordo com o Ideme, a queda no valor da cesta básica se deu, principalmente, pela diminuição de preços de alguns produtos do grupo raízes como: batata doce (18,48%), macaxeira (16,27%) e inhame (14,31%). Além desses produtos, ficou mais barato o preço da abóbora (13,75%) e cenoura (10,61%), que fazem parte do grupo dos legumes; bem como o preço do item carne, que caiu em média 0,76% e representa o produto com maior peso no valor total da cesta.

Variações – No mês de agosto/16, os preços praticados em João Pessoa revelaram aumentos dos preços médios nos seguintes produtos: arroz (8,28%), café moído (6,75%), feijão (5,00%), farinha de mandioca (2,55%), pão francês (2,41%), frutas: banana e laranja (1,91%), margarina (1,73%) e leite pasteurizado (0,90%). Os produtos que apresentaram quedas nos preços médios foram: raízes: inhame, batata-doce e macaxeira (15,25%), legumes: abóbora, beterraba, batata-inglesa, cenoura e tomate (3,86%), açúcar (2,75%), óleo de soja (1,49%) e carnes (0,76%).

Com isso, o custo total da cesta básica em agosto/16 foi de R$ 373,11. Para um trabalhador que nesse período ganhou um salário mínimo de R$ 880,00 foi preciso trabalhar o equivalente a 93 horas e 17 minutos para adquirir sua alimentação individual, segundo o Ideme. Já para uma família composta por quatro pessoas foi necessário dispor de R$ 1.492,44 para adquirir a alimentação básica.

A ração essencial mínima (cesta básica), definida pelo Decreto-Lei nº. 399, de 30.04.1938, que estabelece treze produtos alimentares básicos (arroz, feijão, carnes, farinha de mandioca, café, pão, leite, açúcar, margarina, óleo de soja, legumes, frutas e raízes) e suas respectivas quantidades.