Fale Conosco

15 de dezembro de 2015

Prêmio Criança PB: melhores reportagens serão conhecidas nesta quarta-feira



O prêmio Criança PB de Jornalismo será realizado nesta quarta-feira (16), a partir das 19h, na Marriage Recepções, no Bairro dos Estados. O evento do Governo do Estado, organizado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (Sedh), está na 5º edição. Os vencedores das seis categorias participantes serão conhecidos na noite da solenidade.

Neste ano, o Governo do Estado destinou, com recursos próprios, cerca de R$ 50 mil em premiação distribuídos em seis categorias: jornalismo impresso, radiojornalismo, jornalismo de internet, telejornalismo, fotojornalismo e estudantes universitários do Curso de Comunicação.

A solenidade é destinada aos jornalistas inscritos no Prêmio que terão acesso sem a necessidade de senha. O nome de todos que fizeram a inscrição estará em uma lista com o cerimonial do evento.

Bom nível da concorrência – Os jurados afirmaram para a comissão organizadora que o nível da concorrência nesta edição do Prêmio Criança PB de Jornalismo superou o dos anos anteriores.

“Confesso que durante todos os anos que participei do Criança PB como jurada, este ano foi o que mais tive dificuldade para avaliar e chegar a um consenso para os três primeiros lugares. As universidades e faculdades estão de parabéns porque os alunos trouxeram trabalhos, desde conteúdo teórico e estrutura de proposições, excelentes”, afirmou a representante  do Ministério Público, Clodine Azevedo.

Opinião parecida teve a professora do departamento de Comunicação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Margarete Almeida, que ressaltou o bom nível também da categoria jornalismo de internet.

“Tivemos uma boa quantidade de jornalistas inscritos na categoria Jornalismo de Internet e com um nível muito bom. A gente percebe que tem uma linguagem mais aprofundada de internet e que não fica só na superficialidade temática, porque eles utilizam vídeos, infogramas, depoimentos, ou seja, reportagens mais apuradas, com mais dados e informações, que acrescentam e fazem a diferença”, destacou.

A professora Margarete Almeida ressaltou ainda que chamou a atenção a linguagem literária utilizada na maioria das reportagens, que envolve o leitor e que aprofunda as questões. “Esta é uma maneira que a internet precisa buscar, humanizando os personagens e as abordagens relacionadas à criança e adolescente, trazendo outras perspectivas de olhar ao leitor, até antes não vista. Estão todos de parabéns”.

A equipe de jurados é formada por representantes do Ministério Público, Conselho Estadual dos Direitos de Criança e Adolescente (Cedca-PB), Associação Paraibana de Imprensa (API), Sindicato dos Jornalistas, Universidade Federal da Paraíba, Secretaria de Estado da Comunicação Institucional e Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano.

Os primeiros lugares receberão R$ 4 mil e os segundos e terceiros lugares receberão R$ 3 mil e R$ 2 mil, respectivamente. Já a categoria universitária premiará o primeiro lugar com R$ 1,5 mil, e o segundo e terceiro lugares com R$ 1 mil e R$ 600, respectivamente.

Serviço:

Data: 16/12/15 (Quarta-feira)

Hora: 19h

Local: Marriage Recepções, na Avenida Espírito Santo, 1650, Bairro dos Estados (Rua do antigo Dede, já próximo a BR-230)