Fale Conosco

5 de março de 2012

Posse dos novos professores está prevista para o próximo dia 16



Durante o programa “Fala Governador”, transmitido em cadeia estadual pela Rádio Tabajara, o governador Ricardo Coutinho disse que está prevista para o próximo dia16 a solenidade de posse dos 1.022 aprovados no concurso do magistério realizado pelo Estado. “É a maior convocação já feita pelo Governo da Paraíba por meio de concursos públicos, demonstração de quem acredita na carreira efetiva dos servidores”, frisou.

Além deles, também serão nomeados 31 aprovados no concurso público para provimento do cargo efetivo de professor de Educação Básica 3, com licenciatura plena em Sociologia e Filosofia – subindo para 1.053 o número total de professores nomeados. O certame que aprovou esses professores foi realizado em 2008 e a aprovação dos candidatos foi homologada na Portaria nº 098, publicada no Diário Oficial do dia 7 de março de 2009. Desde então, eles aguardavam a convocação.

“Sabemos a importância de dar aos servidores uma carreira efetiva. Estamos trabalhando no limite da responsabilidade fiscal. Infelizmente, não é possível colocar todo mundo pra dentro de uma só vez, pois a folha de pessoal se tornaria impagável. É preciso paciência. Inclusive, o concurso do magistério foi o primeiro que fizemos em nossa gestão. As demais convocações feitas foram referentes a candidatos aprovados em concursos da gestão anterior”, disse o governador.

Magistério – O Governo do Estado ofereceu 1.040 vagas para o cargo de Professor de Educação Básica 3,  distribuídas por escolas da rede pública estadual de 178 municípios. Ao todo, 11.373 candidatos se inscreveram. Foram oferecidos cargos para profissionais com habilitação (licenciatura plena) para as disciplinas de Língua Portuguesa (282 vagas), Língua Inglesa (96), Artes (27), História (52), Geografia (52), Biologia (57), Química (43), Física (59), Matemática (303) e Educação Física (69 vagas). Das 1.040, 18 não foram preenchidas por falta de aprovados, mas o Governo informa que convocações posteriori estão em análise.