Fale Conosco

6 de junho de 2012

Porto de Cabedelo reúne estudantes para comemorar Semana do Meio Ambiente



Rostos alegres, curiosos e uma turma afinada com as lições de ecologia e preservação do verde. Foi assim a quarta-feira (6) para um grupo de alunos de uma escola municipal de Cabedelo. Os estudantes participaram das atividades em comemoração à Semana do Meio Ambiente, promovidas pela Companhia Docas da Paraíba em parceria com o Centro de Referência em Pesca e Navegação Marítima (CRPNM).

Os alunos do 4º ano da Escola Municipal Silvana Oliveira Pontes confeccionaram em sala de aula produtos feitos com materiais recicláveis e aproveitaram o espaço do porto para dar uma aula de respeito ao meio ambiente.

Quem passou pelo hall de entrada da Companhia Docas foi logo abordado pelos alunos que se revezavam na explicação dos trabalhos. Emanuela da Paz, de 9 anos, montou um fantoche com caixas de leite. “Estes materiais eu ia jogar fora porque achava que não tinham a menor importância, mas depois eu percebi que as caixas poderiam ser recicladas”. Os estudantes também aproveitaram garrafas pet para fazer brinquedos como chocalho, carro e avião.

Outro stand visitado foi o do curso de artesão de biojoias, do Centro de Referência em Pesca e Navegação Marítima. Segundo a diretora de Educação Ambiental do CRPNM, Ariana Guimarães, os alunos confeccionaram peças de artesanato usando materiais como escamas, couro de peixe e carapaça de mariscos. “Quem visitou a exposição se encantou com as peças. Muita gente não conhecia essa arte a partir de resíduos da pesca”.

A Semana do Meio Ambiente foi aberta no Teatro Santa Catarina com uma mesa redonda que discutiu as ações institucionais nas áreas ambiental, pesqueira, marítima e portuária. Sandra Maria Vale, técnica de Meio Ambiente da Companhia Docas, lembra que o porto de Cabedelo está engajado em outros projetos ambientais como o Porto Verde, coleta seletiva e o controle da fauna sinantrópica.

O presidente da Companhia Docas da Paraíba, Wilbur Holmes Jácome, disse que a interação da comunidade com o porto é importante para criar uma consciência ambiental coletiva. “Com a Semana do Meio Ambiente, a gente começa a interagir com outras instituições da cidade. Este é o aspecto sustentável do Porto Verde, que busca a melhoria da qualidade de vida da comunidade”, finalizou.