João Pessoa
Feed de Notícias

Porto movimenta mais de 266 mil toneladas de produtos em dois meses

segunda-feira, 15 de julho de 2013 - 16:34 - Fotos:  Kleide Teixeira / Secom-PB

O Porto de Cabedelo mantém, desde o ano passado, uma boa movimentação de navios, registrando uma média mensal de 10 navios. No mês de junho, 13 cargueiros atracaram no porto. As operações de carga ou descarga duram cerca de quatro dias. O acumulado dos meses de junho e julho desse ano deverá atingir mais de 266 mil toneladas de produtos.

Segundo a administração do porto, em junho passado, 13 navios movimentaram 117.436 toneladas. Nesse mesmo período, dois navios partiram do porto, um com destino à Espanha, com 1.873 toneladas de granito, e o outro com destino a Rotterdam, no sul da Holanda, com 16.557 toneladas do minério ilmenita. Os 11 navios que tiveram como destino o porto de Cabedelo desembarcaram combustíveis, petcoke e trigo, produtos vindos da Alemanha, Estados Unidos, Argentina, Salvador, Fortaleza e porto de Suape-PE.

Agora em julho, 10 navios cargueiros deverão movimentar 93.720 toneladas. Até o dia 10 passado, o porto havia movimentado 55.277 toneladas de produtos das 93.720 toneladas previstas para o mês. Na sexta-feira (12), o navio Clipper Lis descarregava 16.500 toneladas de trigo procedente da Argentina. Dias antes, outro navio descarregou 16.520 toneladas do trigo argentino. No início de julho, o navio Grouse Arrow, de bandeira Bahamas, levou para a Inglaterra 3.819 toneladas de granito paraibano.

De acordo com os dados, no primeiro trimestre deste ano, o porto registrou um acúmulo de carga de 645 mil toneladas, um crescimento de 80% em relação ao mesmo período do ano passado.

Mais combustíveis – O vice-presidente da Companhia Docas da Paraíba, Antonio Ricardo Andrade, destacou que o porto recebeu recentemente um volume maior de combustíveis, registrando uma elevação de 10% a 15%, depois que a Petrobras desativou os tanques de operações no porto de Natal. “A movimentação ficou dividida entre o porto de Cabedelo e o porto de Suape. Então nós temos aumentado o volume de combustíveis e com isso o fluxo de caminhões tanques que transportam o produto para a Petrobras, a Tecab e outros distribuidores”, informou, acrescentando que a comunidade portuária tem comemorado a geração de mais oportunidades de trabalho.

As outras cargas também estão fluindo normalmente e dez navios estão atracando no porto de Cabedelo com cargas de projeto, equipamentos para uma fábrica de cimento que está se instalando na cidade do Conde. Os cinco últimos navios atracarão até o final do ano.

Estrutura – O porto de Cabedelo tem hoje uma estrutura de mais de 60 hectares de área. São 602 metros de cais, com calado de 9,14 metros (será ampliado para 11 metros e posteriormente para 13 metros). O porto tem sete armazéns, totalizando 14 mil metros quadrados de área, 26 tanques com capacidade total de 63.859 metros cúbicos, 16 silos com capacidade total para 57.748 toneladas, 18 mil metros quadrados de pátio e 32 hectares de retroárea.

O porto de Cabedelo é um dos principais centros de distribuição do Norte-Nordeste do Brasil e é o mais oriental das Américas. Para facilitar a logística, o porto tem uma localização privilegiada, próxima da BR-101, apenas 18 km; e fica a 35 km do Aeroporto Internacional Castro Pinto e distante 154 km do aeroporto João Suassuna, em Campina Grande. Tem ainda acesso direto à BR-230 e à Ferrovia Transnordestina.