João Pessoa
Feed de Notícias

População aprova modelo de atendimento dos Distritos Integrados de Segurança Pública

terça-feira, 25 de novembro de 2014 - 11:46 - Fotos:  Secom-PB

A integração entre os órgãos operativos da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds), por meio da implantação do programa Paraíba Unida pela Paz, é um dos principais focos do Governo do Estado para enfrentamento à violência. Em João Pessoa, a instalação dos Distritos Integrados de Segurança Pública (Disp) nos bairros de Manaíra, na região da orla, e de Mangabeira, zona Sul da cidade, unem as polícias Civil e Militar em um só espaço físico e refletem maior qualidade no atendimento. As estruturas são exemplos práticos de um modelo de atendimento quem vem agradando a população e facilitando o trabalho dos órgãos de segurança no Estado.

O motorista Manoel Patrício de Oliveira, que mora no bairro de Mandacaru, precisou registrar uma ocorrência em Mangabeira e foi atendido sem precisar voltar ao seu bairro de origem. “Eu fiquei impressionado com o atendimento. Fui ao Departamento de Trânsito (Detran), em Mangabeira, para solicitar o bloqueio administrativo de um veículo e precisei fazer um Boletim de Ocorrência. Imaginei que teria que voltar para a delegacia do meu bairro, mas quando cheguei no Disp fui muito bem atendido, registrei a ocorrência e já estou voltando para o Detran. Isso facilitou demais a vida do usuário. Está de parabéns pela implantação desSe serviço integrado, não só entre as polícias, mas também com outros órgãos do Estado”, ressaltou.

O delegado titular da 9ª Delegacia Distrital, que fica no Disp de Mangabeira, Nélio Carneiro, destacou a importância da integração das polícias no atendimento à comunidade e no desenvolvimento do trabalho da Polícia Investigativa. “O trabalho integrado das polícias é um processo irreversível. Os resultados mostram que esse formato é fundamental para a eficiência do trabalho de investigação, bem como no combate ao crime. O contato direto da Polícia Civil com os policiais militares favorece no momento em que precisamos trocar ideias e para isso basta sair de uma sala e entrar em outra no mesmo ambiente de trabalho. Antes da instalação do Distrito Integrado esse contato era muito precário e a polícia investigativa perdia muito tempo para obter informações necessárias à apuração dos fatos”, relatou.

No Distrito Integrado de Segurança Pública do bairro de Manaíra a situação não é diferente. O estudante Mariano Domingos aprovou o atendimento integrado e disse que resolveu tudo em poucos minutos. “Estou aqui para fazer um B.O. e me surpreendi com o atendimento. O ambiente é agradável e a gente se sente seguro, pois tem a guarnição da Polícia Militar e os policiais civis atendem à população nessa parte de registro de ocorrências”, avaliou.

Mais de 11 mil atendimentos em 10 meses

O registro de Boletins de Ocorrência vem crescendo com a implantação do novo sistema de atendimento dos Distritos Integrados de Segurança Pública – Disp´s. Somente nos primeiros 10 meses deste ano foram registrados 5.821 Boletins de Ocorrência no Disp de Manaíra e 5.318 no Disp de Mangabeira, o que representa 11.139 atendimentos de janeiro a outubro de 2014. Isso mostra que a população tem procurado os serviços e aprovado a forma de atendimento integrado desse novo modelo de gestão.

O sargento Diamantino, do destacamento da Polícia Militar no Disp de Manaíra, reforçou que a parceria é muito importante e proveitosa, principalmente pela demanda da população naquele bairro. “Aqui nós temos uma procura muito grande pelos serviços de segurança e a integração das polícias é um fator de grande importância. A troca de informações entre os policiais civis e os policiais militares ajuda na busca de pistas para elucidar uma situação. Nós podemos sair em diligência e atender a uma demanda que foi levantada, por exemplo, pelos agentes da polícia civil. Então, o mais importante pra mim é essa parceria, essa troca de informação entre as polícias funcionando no mesmo prédio”, concluiu.

Os dois Distritos Integrados da cidade funcionam em regime de plantão, todos os dias da semana, com registros de boletins de ocorrência e realização de procedimentos policiais.

Como funciona

O Distrito Integrado de Segurança Pública conta com toda a estrutura necessária para instalações das polícias de forma integrada, como sala para delegado, agentes e comandantes, recepção, cartórios, espaço para Central de Flagrantes, banheiros, xadrezes, depósito e almoxarifado. Além disso, o espaço para a recepção é amplo e a população pode aguardar sua vez de atendimento em poltronas e em um local adequado e confortável. O atendimento funciona 24 horas por dia e o projeto prevê a criação de outros 66 distritos integrados em todo o Estado.

O primeiro Distrito Integrado de Segurança Pública foi inaugurado em 2012 no bairro de Manaíra, em João Pessoa. A unidade passou a atender à população dos bairros de Manaíra, Bessa, Jardim Oceania, Jardim Aeroclube e São José. A inauguração do primeiro Distrito marcou o início do processo de implantação do Projeto de Compatibilização de Áreas Integradas de Segurança Pública, implementado pela Secretaria de Segurança e Defesa Social.

Para o secretário de Segurança, Cláudio Lima, o projeto representa um dos pilares da atual gestão, que tem como foco a redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) e os Crimes Violentos Patrimoniais (CVP). A medida vai redimensionar as áreas de atuação das polícias e Corpo de Bombeiros, tornando compatíveis as circunscrições das polícias Civil e Militar.

Este é um projeto fundamental para o avanço da segurança pública no Estado, dentro da nossa metodologia de gestão, focada em resultados. Isso vai permitir o melhor monitoramento das ações, integração entre as polícias e atribuir responsabilidade territorial aos gestores de segurança”, explicou o secretário.