João Pessoa
Feed de Notícias

Policiais Militares da Paraíba concluem Curso de Tripulantes Operacionais em Alagoas

quinta-feira, 12 de novembro de 2015 - 11:17 - Fotos: 

O sargento Igor Luiz Gomes de Souza, sargento Emanuel Lucas de Melo Lima, soldado Bruno Pierre Santos Alves, soldado Johansson de Lucena Santos, soldado Daniel Sette Carneiro de Morais, todos da Polícia Militar da Paraíba, concluíram com aproveitamento o Curso de Tripulantes Operacionais – CTOP 2015 – com solenidade ocorrida no Hangar do Aeroporto Zumbi dos Palmares, no Estado de Alagoas.

O curso capacitou policiais militares da Paraíba, Alagoas, Acre e Paraná que, a partir de agora, estão preparados para defender a sociedade por meio de patrulhamento aéreo.

O chefe especial do Grupamento Aéreo do Estado de Alagoas, coronel BM André Madeiro, falou de laços criados, de ensinamentos permanentes e de vitória. “Aqui não acontece a formação de tripulantes apenas, mas, de melhores seres humanos. Formamos uma família. Os senhores já são vitoriosos, saíram das suas casas, deixaram pais, esposas, namoradas, filhos para trabalhar um futuro com mais um sonho. Muito tem pela frente. Nada é fácil e peço que os familiares compreendam sempre mais. Tenham sorte, porque coragem já demonstraram. E voem para fazer o bem”, disse.

A esposa do sargento Moura, que morreu vítima de parada cardíaca, foi homenageada. A turma do CTOP – 2015 recebeu o seu nome em memória. Também foram homenageados os sargentos instrutores do curso, sob comando do capitão BM Felipe Dórea, com apoio do capitão BM Emílio.

O curso aconteceu em parceria e supervisionado pelo Núcleo de Ensino da SSP, mas contou com vários colaboradores até o final.  Oficiais de outros estados vieram prestigiar os integrantes de suas corporações. O evento teve a participação de autoridades das instituições ligadas a Segurança Pública.

Um dos momentos mais emocionantes foi o da lembrança dos mortos na tragédia da queda do helicóptero, em 23 de setembro, o major BM Milton, o capitão PM Assunção e os soldados PM Moura e Melo.