João Pessoa
Feed de Notícias

Policiais e agentes participam de Curso de Operações Táticas Especiais

sábado, 2 de novembro de 2013 - 09:53 - Fotos:  Secom-PB

O secretário de Segurança e da Defesa Social, Cláudio Lima, abriu na tarde dessa sexta-feira (1º) o III Curso de Operações Táticas Especiais (Cote). As aulas começam neste domingo (3) e serão ministradas na Academia de Polícia Civil (Acadepol), em Mangabeira. O curso terá uma carga horária de 480 horas/aula e os alunos ficam em regime de semi-internato.

“Este curso vai preparar homens e mulheres do ponto de vista tático para operações de risco e também para ações sensíveis, um trabalho de valorização dos operadores de segurança que vão ter a oportunidade de receber qualificação para enfrentar de forma mais segura os criminosos”, explicou Cláudio Lima.

Vinte e seis policiais civis, militares, agentes penitenciários da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará e Mato Grosso participam do curso, que tem como objetivo oferecer condicionamento doutrinário e prático para que eles enfrentem as ações de alto risco.

Antes de chegar nesta etapa, os operadores de segurança pública passaram por testes físicos como corrida, natação, flutuação e de aptidão técnica. Agora, nesta nova fase, os alunos vão receber treinamento físico policial, imobilização tática e lutas, rapel, técnicas de abordagem, progressão em área de risco, gerenciamento de crises, manuseio de explosivos e operações.

Para o delegado geral de Polícia Civil, Carlos Alberto, esta formação representa uma nova etapa na vida e na carreira de cada um dos policiais. “Estes alunos vão entender a valorização profissional, vão saber que são elos do sistema e que fazem parte da engrenagem do Estado. Desta forma, vão dar ainda mais valor à carteira de policial e à farda, mostrando que são cumpridores de seus deveres e dizendo sempre não pra qualquer ato de ilegalidade”.

O secretário executivo da Segurança e Defesa Social, Jean Nunes, que vai ministrar o curso de inteligência, lembrou aos alunos durante aula inaugural que o curso vai deixá-los mais preparados para os desafios e os perigos que envolvem as ações de combate aos crimes. “Eles vão sair daqui preparados para enfrentar ações, como assaltos a banco e sequestros. O objetivo do curso é este, preparar o policial para que ele tenha cada vez mais controle emocional e esteja tecnicamente pronto para enfrentar as ocorrências de alto risco”.