Fale Conosco

12 de abril de 2012

Polícia Civil ouve testemunhas e identifica autores de disparos em escola no município de Santa Rita



A Polícia Civil da Paraíba instaurou um inquérito policial para apurar o crime registrado na tarde de quarta-feira (11), na Escola Estadual Enéas Carvalho, no Centro de Santa Rita, quando duas pessoas entraram armadas e atiraram contra um adolescente de 15 anos, atingindo outras duas estudantes.

Pela manhã, o delegado Luiz Cotrim, responsável pelas investigações, ouviu duas testemunhas e identificou os suspeitos. Poucas horas depois, os adolescentes foram localizados e apreendidos pela Polícia Militar. Os dois serão ouvidos ainda na tarde desta quinta-feira.

Cotrim adiantou que o motivo do crime teria sido uma discussão entre os jovens no dia anterior, e um novo atrito entre eles aconteceu meia hora antes dos disparos, descartando a hipótese de crime passional. A vítima, que seria o alvo dos disparos, é novata na escola, tendo chegado recentemente do Rio de Janeiro.

De acordo com a Assessoria do Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, o jovem de 15 anos recebeu alta na noite de ontem (11). Uma estudante passou por uma cirurgia no braço e segue internada, com estado de saúde regular. A terceira vítima teve apenas ferimentos leves e foi atendida na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Santa Rita, sendo logo liberada.