Fale Conosco

29 de fevereiro de 2016

Polícia Civil instala núcleo de homicídios em Cabedelo



A Polícia Civil da Paraíba implantou oficialmente, neste mês de fevereiro, um núcleo especializado na investigação de homicídios no município de Cabedelo. O espaço está funcionando na sede da 3ª Delegacia Seccional, na cidade, prédio da 7ª Delegacia Distrital.

De acordo com o titular da seccional, delegado Ademir Fernandes, o Núcleo de Homicídios é formado por uma equipe completa de agentes de investigação, escrivães e delegado. “A estrutura já vem funcionando de forma experimental desde o mês de agosto de 2015, quando entendemos a necessidade de um trabalho mais especializado na área de investigação criminal na cidade de Cabedelo. O núcleo, além de homicídios, investiga crimes que envolvam o tráfico de drogas e situações de alta complexidade e tem como titular o delegado João Ricardo Monteiro da Franca”, afirmou Fernandes.

O delegado acrescentou também que por conta do trabalho desenvolvido na 3ª Área Integrada de Segurança Pública (Aisp) pelas Polícias Civil e Militar, o número de assassinatos no município de Cabedelo teve uma redução relevante. Em 2011, o município possuía uma taxa de 140,43 homicídios por um grupo de 100 mil habitantes e esse número caiu no ano passado para 33,5 mortes para cada 100 mil habitantes. “Em números absolutos a ocorrência de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) foi de 83 casos no início da gestão para 22 em 2015, como resultado de ações de prevenção e repressão qualificadas”, explicou.

Em todo o Estado, a Polícia Civil conta com oito núcleos especializados na investigação de homicídios. Essas estruturas contribuem com a investigação policial realizada também pelas Delegacias Especializadas de Crimes contra a Pessoa, presentes em João Pessoa, Campina Grande e Patos.