João Pessoa
Feed de Notícias

Polícia amplia Programa de Prevenção às Drogas nas escolas paraibanas

terça-feira, 10 de setembro de 2013 - 16:19 - Fotos:  Cláudio Goes / Secom-PB

O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) tem feito a diferença na vida de milhares de crianças e adolescente da Paraíba. Só no primeiro semestre deste ano, o programa da Polícia Militar já formou 6.028 alunos de 153 escolas públicas e privadas na prevenção e combate às drogas. O projeto acontece em 12 encontros, nos quais os policiais militares realizam atividades lúdicas e pedagógicas que alertam sobre os prejuízos causados pelo uso dos entorpecentes.

Segundo a coordenadora estadual do Proerd, capitã Ticiana Soares, o programa tem tido uma aceitação muito positiva por parte de toda a comunidade escolar: alunos, professores, diretores, funcionários e coordenadores.

Todos demonstram animação durante a aplicação do programa. Não é raro ouvirmos depoimentos que falam sobre mudança de comportamento de crianças problemáticas, sensação de ordem e seguranças nas escolas. A prova disso se mostra na procura ao nosso serviço que tem aumentado, na quantidade de municípios firmando convênio, na quantidade de palestras em todo o Estado”, destacou Ticiana, que também atua como instrutora, dentro do programa.

Até o final do ano, a perspectiva é que pelo menos 20 mil crianças sejam beneficiadas pelas ações do Proerd, que incluem o ensino de disciplinas sobre os malefícios do Cigarro, da Maconha, Cocaína e do Crack; além da temática do Bullying e das ‘Gangues’. Ao final das aulas, que acontecem em encontros semanais, os alunos recebem o certificado de conclusão do Proerd, em uma festa que coroa o trabalho dos alunos e da equipe envolvida no curso.

As crianças se sentem realmente como astros principais de um trabalho que foi pensado e realizado por elas e para elas. A presença do conjunto musical do Proerd, entoando canções que remetem à temática da prevenção às drogas; bem como do mascote, que é o Leão Daren, empolga todos e fazem a formatura ser bem animada”, contou Ticiana, ao citar que neste segundo semestre, novas turmas devem ser iniciadas este mês e com previsão de formatura em novembro e dezembro.

O Programa - Na Paraíba, a PMPB já formou mais de 90 mil crianças nos doze anos de funcionamento do Proerd, sendo a maioria delas nos últimos três anos. O trabalho de prevenção já passou por mais de 50 cidades. Além dos temas já citados, o programa ainda enfatiza, durante todo o curso, a autoestima e a capacidade de tomada de decisão por parte dos alunos.

A ideia é que eles acreditem em si mesmos e saibam que têm capacidade para tomar as próprias decisões. As crianças e os adolescentes também são incentivados a reconhecer as pressões do grupo e quais são as verdadeiras e boas amizades. No total, o programa tem quatro currículos, divididos para as seguintes séries (1º ao quarto ano; 5º ano; 7º ano e Proerd para os pais e funcionários das escolas).

Capacitação – Para atuar no programa, o policial militar passa por um curso de qualificação técnica-pedagógica especial, promovido pela corporação paraibana. Seguindo as diretrizes nacional do Proerd, são três níveis de formação profissional. Há o Instrutor, que trabalha diretamente com as crianças e adolescentes; o Mentor, responsável pela formação e acompanhamento dos instrutores e, acima desses, o Master (capacitação para formar mentores e planejar a aplicação do programa). No Estado, a polícia conta com 180 instrutores formados e na ativa, dos quais 27 deles também têm qualificação de Mentor e quatro são Master.

Como aderir – As escolas que desejarem receber o Proerd podem fazer o requerimento através dos Conselhos Regionais de Ensino Municipal ou Estadual ( no caso das escolas públicas) ou diretamente ao programa, por meio de ofício ao Comando Geral, localizado no Centro de João Pessoa. Mais dúvidas e informações também podem ser obtidas através do telefone 3262-3580 ou pelo e-mail proerdparaiba@gmail.com.