Fale Conosco

3 de fevereiro de 2015

Ideme aponta alta de 3,06% na cesta básica em João Pessoa



O Instituto de Desenvolvimento Municipal e Estadual (Ideme) divulgou, nesta terça-feira (3), a pesquisa sobre o preço da cesta básica da cidade de João Pessoa, referente ao mês de janeiro. De acordo com o estudo, a cesta apresentou acréscimo de 3,06%, ficando o acumulado nos últimos doze meses em 22,58%. Com isso, o custo total da cesta básica em janeiro foi de R$ 287,91.

Segundo o Ideme, um trabalhador que nesse período ganhou um salário mínimo de R$ 788,00 precisou trabalhar o equivalente a 80 horas e 25 minutos para adquirir sua alimentação individual. Já uma família composta por quatro pessoas teria que dispor de R$ 1.151,64 para adquirir a alimentação básica.

Conforme a pesquisa do Ideme, os preços praticados em João Pessoa no mês de janeiro revelaram aumentos dos preços médios nos seguintes produtos: feijão (30,03%), farinha de mandioca (9,74%), óleo de soja (7,79), arroz (4,70%), raízes: inhame, batata-doce e macaxeira (4,45%), margarina (4,26%), pão francês (2,63%) e carnes (2,04%). Os produtos que apresentaram quedas nos preços médios foram: açúcar (5,19%), frutas: banana e laranja (4,18%), legumes: abóbora, beterraba, batata-inglesa, cenoura e tomate (0,65%), leite pasteurizado (0,37%) e café moído (0,29%).

A cesta - A ração essencial mínima, mais conhecida como cesta básica calculada pelo Ideme é definida pelo Decreto-Lei nº. 399, de 30.04.1938, que estabelece 13 produtos alimentares básicos (arroz, feijão, carnes, farinha de mandioca, café, pão, leite, açúcar, margarina, óleo de soja, legumes, frutas e raízes) e suas respectivas quantidades, passou a representar aproximadamente 36,54% do salário mínimo. Para saber mais sobre o estudo, basta acessar: www.ideme.pb.gov.br