Fale Conosco

6 de setembro de 2012

PBTur e trade paraibano iniciam segunda-feira Roadshow em três capitais nordestinas



Três capitais nordestinas estão no roteiro do Rodshow que vai ser realizado pelo trade paraibano entre os dias 11 a 14 deste mês. A comitiva paraibana integrada por um técnico da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), executivos de 12 hotéis, empresa de receptivo e prefeituras tem no roteiro as cidades de Salvador, Aracaju e Maceió. O objetivo é apresentar o ‘Destino Paraíba’ para 240 agentes de viagens e operadores de turismo dessas capitais.

De acordo com o roteiro já definido, a comitiva vai estar em Salvador na próxima terça-feira (11), onde realiza uma apresentação dos principais atrativos turísticos aos agentes de viagens. Segundo o coordenador de Eventos da PBTur, João Wharles, foram convidados cerca de 80 agentes. A apresentação vai ocorrer no restaurante Barbacoa, localizado no Caminho das Árvores, a partir das 18h30.

“Iremos mostrar aos agentes de viagens as nossas potencialidades turísticas. Desde o início do ano estamos realizando ações de divulgação do ‘Destino Paraíba’ nos estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste e agora iremos capacitar o pessoal da região Nordeste”, explicou João Wharles.

Na quarta-feira (12), a comitiva segue de ônibus para Aracaju, capital de Sergipe. A capacitação vai ser feita para mais 80 agentes de viagens e será feita nas dependências na churrascaria Sal e Brasa, no bairro de Atalaia. O evento está marcado para ocorrer a partir das 18h30.

A terceira capital a ser visitada pelos paraibanos é Maceió (AL), na quinta-feira (13). Além das atrações turísticas da Paraíba, os 80 agentes de viagens convidados para participar da capacitação, terão a oportunidade de conhecer a infraestrutura hoteleira de João Pessoa e Costa do Conde. Os 12 hotéis associados à ABIH-PB apresentarão os valores de tarifas, preços de pacotes promocionais e a infraestrutura dos hotéis. A apresentação vai acontecer no restaurante AnaMar, também a partir das 18h30.

“É uma oportunidade única de conversar pessoalmente com o agente de viagem, que é o profissional que tem um contato mais próximo com o consumidor”, explica João Wharles.