João Pessoa
Feed de Notícias

PBGás contrata plano de previdência privada para colaboradores

sexta-feira, 11 de maio de 2012 - 15:54 - Fotos: 

Em uma iniciativa pioneira na Paraíba, a Companhia Paraibana de Gás (PBGás) aderiu a um plano de previdência complementar para garantir uma aposentadoria mais tranquila aos colaboradores. Trata-se de um acordo firmado com a Fundação Petrobrás de Seguridade Social (Petros), voltado para todo o pessoal integrante do quadro da empresa. Através desse benefício, a PBGás vai garantir o aporte igual às parcelas de contribuição do funcionário, limitando-se ao percentual de 6% sobre o valor do salário.

“Somos a primeira empresa da Paraíba a contratar esse plano com a Petros, sendo uma forma de incentivar a qualidade do trabalho e a valorizar os colaboradores com um excelente plano de vida, pensando no futuro e na aposentadoria”. A afirmação é do diretor-presidente da PBGás, engenheiro Toscano.

Ele considera o plano de adesão uma conquista histórica para a companhia.

“Trata-se de um marco para a companhia. A PBGás, visando a valorização dos seus servidores, garante um futuro mais tranquilo à sua equipe e torna a empresa pioneira na Paraíba em se tratando de Governo do Estado”, afirma.

A Petros é uma fundação de seguridade social responsável pela administração de planos de previdência. Ela gerencia um patrimônio superior a R$ 53 bilhões e participa ativamente do crescimento do país. A fundação não tem fins lucrativos e toda a sua rentabilidade, obtida com as contribuições, é totalmente revertida para o segurado.

Além de se caracterizar como complementação de aposentadoria, os contribuintes ainda dispõem de outras vantagens, como condições especiais de financiamento habitacional e cartão de afinidade do Clube Petros, que oferece descontos em estabelecimentos comerciais. As contribuições podem ser deduzidas do Imposto de Renda do contribuinte, até o limite de 12 % do total de rendimentos anuais.

Melhor futuro – Explicando sobre a forma de adesão dos participantes, o diretor administrativo e financeiro da PBGás, David dos Santos Mouta, disse que a PBGás oferece o plano, mas a adesão é opcional. “Fica a critério de cada servidor contribuir ou não, mas acreditamos que todos os nossos colaboradores estarão aderindo, pois as vantagens são significativas para quem pensa em um melhor futuro”, disse.

Mouta informou ainda que a PBGás, além de ser pioneira com esse plano na Paraíba, está entre as primeiras seis distribuidoras de gás no Brasil a oferecer o plano para os seus colaboradores. “Para nós é uma grande honra alcançar essa posição, principalmente quando se trata do segundo maior fundo de previdência complementar no Brasil, e por isso mesmo estamos saindo na frente aqui na Paraíba”, disse David dos Santos, diretor que representa a empresa Mitsui Gás dentro da Companhia Paraibana de Gás Natural.

Todas as seis distribuidoras brasileiras do gás natural a aderirem ao plano têm composição acionária com seus respectivos governos estaduais, além da Mitsui Gás e a Gaspetro, empresa da Petrobrás com atuação brasileira no mercado de gás natural. Já a Mitsui Gás é uma empresa de capital privado, acionista da PBGás desde o ano de 2006. O Governo da Paraíba é o acionista controlador, representado pela Secretaria da Infraestrutura do Estado.