João Pessoa
Feed de Notícias

Paraibanos retornam após cruzeiro de oito dias a bordo do navio Melody

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010 - 20:34 - Fotos: 
Sessenta e oito turistas paraibanos de João Pessoa e de diversas outras cidades desembarcaram às 13h desta quarta-feira (13) no Porto de Cabedelo, após viagem de oito dias até Salvador (BA) no navio MSC Melody, contratado pela empresa italiana MSC Cruzeiros. Outros 54 turistas paraibanos embarcaram na tarde desta quarta e retornam no próximo dia 20, após cruzeiro com atracações em Recife (PE), Maceió (AL), Fortaleza (CE) e Salvador. O pacote por pessoa varia de R$ 800,00 a R$ 1.500,00 e as operadoras de turismo dividem em até dez parcelas no cartão de crédito. Uma oportunidade e tanto para quem deseja e pode fazer um passeio pelo Oceano Atlântico, costa do Nordeste.

O sargento da Polícia Militar da Paraíba, Wellington Batista, sua esposa Marijane Marques Batista, também sargento da PM paraibana, e seu casal de filhos realizaram o sonho de fazer um cruzeiro. Sorridentes, afirmaram no desembarque que vivenciaram as melhores férias de suas vidas. “Foram dias e noites inesquecíveis a bordo do Melody e nos passeios em Recife, Maceió, Fortaleza e Salvador”. Os dois militares destacaram o padrão de qualidade do navio e recomendam a viagem aos paraibanos. Já a universitária paraibana Priscila de Vasconcelos, estudante de Contabilidade, embarcou no Melody com seus avós. Antes do embarque, posou ao lado das irmãs, que já ficaram com saudades.

Elogios à acolhida – Cláudia Bergamo, economista baiana de Salvador, aprovou a receptividade no Porto de Cabedelo, ela veio com um grupo de 14 pessoas. A professora Rosilene Vilanova, baiana de Itabuna, revelou que visita a Paraíba pela primeira vez. “De todos os portos que nós paramos esse foi o que teve essa recepção, não tivemos esse acolhimento em outros portos; estou muito feliz, vocês estão de parabéns”, disse Rosilene.

Os irmãos Roberta e Marcos Santiago, ela publicitária e ele estudante de Engenharia Civil, ainda não tinham vindo à Paraíba e afirmaram se sentir em casa, pela recepção com o forró do grupo de xaxado do Sesc da Paraíba, um dos principais atrativos na recepção aos turistas que desembarcam no Porto. De ônibus, vans ou táxis, eles conhecem pontos turísticos de João Pessoa e de Cabedelo, a exemplo do Parque Solon de Lucena, Largo de São Francisco e o famoso pôr-do-sol na praia do Jacaré, na cidade portuária.

Pesquisa – A reportagem de A União constatou com alguns turistas deste sexto atracamento do Melody (que atraca às quartas-feiras pela manhã e parte na noite do mesmo dia do porto paraibano), que de fato o ancoradouro de Cabedelo oferece a melhor e mais animada receptividade de todos os portos do Nordeste, com mais organização, logística e limpeza.

Pesquisa nesse sentido foi divulgada pela assessoria de imprensa da Companhia Docas da Paraíba na terça-feira (12), com base em dados da MSC Cruzeiros que em 2009 incluiu a Paraíba em seu circuito internacional de viagens marítimas.

O diretor-presidente da Companhia Docas da Paraíba, Wagner Breckenfeld, e os funcionários do ancoradouro comemoraram a boa notícia, uma conquista da força tarefa composta por representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Prefeitura de Cabedelo, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, João Pessoa Convention Bureau, Secretaria de Turismo de João Pessoa, PBTur, Funjope e do Porto de Cabedelo.

Fluxo de turistas – Até o início de março próximo, cerca de 30 mil turistas passarão por João Pessoa e Cabedelo. A primeira atracação ocorreu no dia 9 de dezembro passado. No Porto, uma feirinha de artesanato também recepciona os turistas trazidos pelo navio Melody. Ao todo serão 14 atracamentos até março.

A estimativa é de que os turistas farão circular na Paraíba cerca de R$ 25 milhões no período, com o desembarque médio de 1.500 visitantes às quartas-feiras. Os próximos atracamentos do navio MSC Melody acontecerão nos dias 20 e 27 deste mês, 3, 10, 17 e 24 de fevereiro e 3 e 10 de março. As atracações ocorrem entre 13h e 16h.

Josélio Carneiro, com fotos de Marcos Russo (A União), da Secom-PB