Fale Conosco

19 de abril de 2016

Paraíba participa do programa Researcher Connect do Conselho Britânico



O Estado da Paraíba, por meio da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq), vai participar do programa Researcher Connect, do British Council. A intenção é proporcionar aos pesquisadores paraibanos maior competitividade na área acadêmica. “Investir na qualificação desses profissionais dá maior oportunidade aos nossos pesquisadores de pós-graduação ao submeter artigos científicos internacionais”, afirmou o presidente da Fapesq, Claudio Furtado.

O objetivo do programa é capacitar pesquisadores brasileiros a publicar artigos em língua inglesa, para melhorar a internacionalização da pesquisa brasileira, aumentando a capacidade de pesquisadores projetarem suas pesquisas locais em escala global. Ao identificar grupos científicos em diferentes Estados, o Researcher Connect também contribuirá para aumentar a capacidade de comunidades acadêmicas com poucas oportunidades a desenvolver pesquisadores e de se internacionalizar.

Os candidatos devem submeter uma proposta para que sua instituição seja sede de um curso para treinar no mínimo 20 pesquisadores em qualquer disciplina ou área multidisciplinar. A proposta deve ser feita por um professor, representante de Pró-Reitorias de Pesquisa, Pró-Reitorias de Pós-Graduação, Departamentos ou programas de Pós-Graduação, que será o coordenador do workshop. O processo de seleção focará no desenvolvimento de habilidades em comunicação em áreas relevantes ao desenvolvimento econômico e social, incluindo Ciências Naturais, Ciências Sociais, Artes e Humanidades. O cadastro das instituições pode ser realizado no site do British Council (http://britishcouncilbrasil.researcherconnect2016.sgizmo.com/s3/).

A chamada 2016-2017 do programa já está aberta. Ao todo, 15 estados aderiram ao programa por meio de suas FAPs (Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa), para apoiar a realização de cursos para desenvolvimento de habilidades em comunicação científica para pesquisadores. O edital está disponível para consulta no portal (confap.org.br). O prazo para submissão das propostas é 27 de junho.

Os cursos, ministrados em inglês, acontecerão no Brasil entre 1° de agosto de 2016 e 1º de março de 2017. Os pesquisadores recrutados para participar do curso deverão ser estudantes de doutorado, pós-doc ou professores em início de carreira (com até 10 anos de formação).