Fale Conosco

14 de maio de 2009

Paraíba é destaque em evento nacional de artesanato



Em reconhecimento ao talento dos artesãos brasileiros, as unidades produtivas de todo o país, vencedoras do Prêmio Sebrae Top 100 de Artesanato foram homenageadas nesta quarta-feira, 13, na cidade do Rio de Janeiro.

O evento foi realizado no Pier Mauá, na zona portuária daquela cidade, com a presença do presidente do Sebrae Nacional, Paulo Tarcísio Okamoto, de autoridades locais, diretores e dirigentes do Sebrae Nacional e estaduais e instituições ligadas ao artesanato brasileiro.

O Prêmio Sebrae Top 100 recebeu um total de 1.025 inscrições e para chegar aos vencedores foram levados em conta aspectos que contemplam o grau de inovação dos produtos, adequação econômica dos produtos, adequação ergonômica dos postos de trabalho, adequação ambiental, eficiência produtiva, adequação cultural, logística, qualidade percebida, práticas comerciais, responsabilidade social e gestão estratégica da unidade.

A Paraíba teve destaque especial neste Prêmio desde a primeira versão em 2006, quando foram contemplados 13 núcleos e agora, nesta segunda versão, foram 8 núcleos, a saber:

1. Coopnatural – Cooperativa do Algodão Colorido – Campina Grande;
2. Terra do Sol (tecelagem) – Gurinhém;
3. Desfiar Labirinto (bordado em labirinto) – Sítio Serra Rajada (Riachão do Bacamarte);
4. Cooperativa Agroartesanal Mista de Juarez Távora – Labirinto;
5. COOBAN – Cooperativa das Bordadeiras de Alagoa Nova;
6. ASSOARTI – Associação dos Artesãos de São João do Tigre (Renda Renascença);
7. ASSOAM – Associação dos Artesãos de Monteiro (Renda Renascença);
8. CUIUIÚ – Associação para o Desenvolvimento dos Moradores de Cuiuiú (trançados com a fibra do sisal) – Barra de Santa Rosa.

Com apoio da Tam Viagens, representantes de todos os núcleos produtivos estiveram presentes ao evento, sob a coordenação da gestora do Sebrae Paraíba, Verônica Ribeiro e da gestora do Programa de Artesanato Paraibano, Marielza Targino de Araújo, além do designer Fábio Morais Silva.

A Paraíba com 8 núcleos foi o segundo Estado brasileiro que recebeu maior premiação, ficando atrás apenas do Piauí, que teve 9 núcleos. Como parte do prêmio, os vencedores participam da Rodada de Negócios que acontece nos dias 14 e 15 de maio. A proposta é possibilitar o conhecimento mútuo entre artesãos e empresas, de modo a facilitar a geração de negócios.

Também está prevista outra rodada daqui a seis meses. Os vencedores ganham ainda o direito de usar o selo 'Prêmio Sebrae Top 100 de Artesanato – 2ª edição', terão a divulgação dos seus produtos em catálogos impressos e nos sites do Sebrae Nacional e dos estados.