João Pessoa
Feed de Notícias

Para-atletas paraibanos batem recorde de medalhas em competição nacional

segunda-feira, 19 de setembro de 2011 - 10:10 - Fotos:  Francisco França/Secom-PB

Dezoito medalhas nas Paraolimpíadas Escolares Brasileiras 2011, um recorde na história da Paraíba. Foi o que conseguiu a delegação paraibana nas disputas do campeonato mais importante do desporto escolar do Brasil, que aconteceu em São Paulo, que é organizado pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro.

O chefe da delegação Jean Klaude, que foi recebido pelo governador Ricardo Coutinho após a chegada da capital paulista, comentou o recorde de medalhas. “Nunca a delegação paraibana esteve tão bem numa competição com esta, que é a Paraolimpíada Escolar”, disse.

Ele ainda destacou a importância de o Governo do Estado em ter realizado os Jogos Paraescolares da Paraíba, que serviu como uma prévia para os preparos da competição nacional. “Tudo isso foi colhido porque o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer, organizou os Jogos Paraescolares. Foi também fundamental o Governo ter viabilizado a ida de toda a delegação para São Paulo”, comemorou Jean.

Nos Jogos Paraescolares Estaduais, realizados pela primeira vez na história da Paraíba, inúmeras entidades que trabalham com o para-desporto tiveram a oportunidade de ver seus atletas atuando nas competições e lutando por uma medalha. Houve diversas modalidades, como bocha paraolímpica, goalball, futsal, atletismo, natação e futebol de cinco.

O secretário Fábio Maia, frisou que este ano foi apenas o início de uma luta para que o desporto escolar possa crescer no Estado e ser valorizado. “Organizar os Jogos Paraescolares foi o início de uma empreitada que pretendemos realizar. O importante é que todos viram que tudo deu resultado, já que conseguimos resultados importantes, não apenas em medalhas, mas também em visibilidade e espírito de equipe”, lembrou o secretário.

O novo Dede - Uma parceria entre o Governo Federal e o Governo da Paraíba foi anunciada pelo ministro dos Esportes, Orlando Silva, para a reforma da Vila Olímpica Ronaldo Marinho. A nova Vila Olímpica Ronaldo Marinho, segundo Fábio Maia, também contará com a construção de um ginásio poliesportivo específico para a pessoa com deficiência.

“Sabemos que muitos dos nossos para-atletas, sobretudo os que estão sobre cadeira de rodas, tem dificuldade para jogar ou entrar em um ginásio. E pensando neles, por meio de uma parceria com o Governo Federal, será construído o primeiro ginásio paradesportivo da Paraíba”, destacou o secretário.