João Pessoa
Feed de Notícias

Orquestra Sinfônica Jovem faz concerto com peça inédita em João Pessoa e ritmos brasileiros

segunda-feira, 20 de abril de 2015 - 11:44 - Fotos:  Roberto Guedes - Secom-PB

Com estreia local de uma obra para clarinete e uma seleção de ritmos brasileiros, a Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba apresenta, nesta quinta-feira (23), o segundo concerto oficial da temporada 2015. A regência é do maestro Luiz Carlos Durier, regente titular da OSJPB, e o solista é José Fernandes Moreira Neto (clarinetista). A apresentação começa às 20h30, na Sala de Concertos Maestro José Siqueira, localizada no Espaço Cultural José Lins do Rego. A entrada é gratuita.

A abertura fica por conta da obra “Fantasia sobre Temas Sérvios, Op. 6”, de Nikolay Rimsky-Korsakov (1844-1908), nunca antes executada em João Pessoa. O termo fantasia dá ao compositor liberdade expressiva, fazendo com que a peça exija alto grau de virtuosismo.

Em seguida, a OSJPB executará uma peça de Carl Maria vom Weber (1786-1826), o “Concerto para Clarinete e Orquestra Nº 1 em Fá Menor, Op. 73”, com solo do músico José Fernandes Neto. A obra é celebrada por todos, principalmente os clarinetistas. Essa composição foi muito inovadora para a  época e ainda é um grande desafio para os solistas. O primeiro movimento, ‘Allegro’ tem características vibrantes e dor (Melancolia). O segundo, ‘Adagio ma non tropo’, se assemelha a uma ária de ópera romântica. E o terceiro, ‘Rondó’ é um convite à dança. 

Para fechar a noite, a orquestra toca ‘Sinfonietta Prima’, de Ernani Aguiar (1950), cuja inspiração composicional vem da música popular brasileira, contemplando a modinha, marcha rancho, dança de caboclinhos e até ritmo do xaxado típico do nordeste. É a música brasileira de raízes com roupagem sinfônica.

José Fernandes Moreira Neto (Clarinete) - Natural de Recife (PE), iniciou seus estudos musicais em 2001, na Sesquicentenária Banda Musical Saboeira, do município de Goiana (PE), onde administrou aulas de 2005 a 2007. Mais tarde, integrou a Banda Voz dos Anjos da Assembleia de Deus, na mesma cidade, de 2007 a 2009. Foi professor do Cemad (Centro de Educação Musical da Assembleia de Deus) e é um dos fundadores do Grupo Instrumental G7.

Em 2008, foi solista do grupo Sonopres, formado para tocar no festival Goiana Pro-Musica, e fez parte da Banda Sinfônica Mangaio do COM. Em 2009, participou do 10º Festival Internacional de Clarinetista na cidade de Recife (PE) e do festival Mimo (Mostra Internacional de Música de Olinda). Em 2010, ingressou na OSJ – CPM (Orquestra Sinfônica Jovem do Conservatório Pernambucano de Música), onde participou como segundo clarinetista da ópera “O Morcego”, de Johan Strauss, promovida pela companhia de Ópera do Recife (Core). No mesmo ano se formou na Escola Técnica Estadual de Criatividade Musical do Recife, sob a orientação do professor Manoel Agostinho.

Desde 2012 leciona na Escola Nova Geração em Goiana (PE). No mesmo ano, entrou no Quinteto de Sopro Uruaé. Em 2013, foi solista pela OSUFPB Jovem, participou da OSUFPB Sopros, OSUFPB e Banda José Siqueira da UFPB. Em 2014, integrou na OSPB Jovem, onde este ano atua como 1º clarinetista. Na Banda Municipal de João Pessoa Cinco de Agosto, compõe o naipe de clarinetes.

Ao longo desses anos, fez parte do festival ArtMusic e Expo-Music, promovido pela Banda Musical Curica, da cidade de Goiana. Hoje, reside em João Pessoa e está cursando o VII período do Bacharelado em Música, com habilitação em clarinete (UFPB), com a orientação do professor José Arimatéia Verissimo.

Participou de Master Class com os professores Carlos Rieiro (UFPB), Paulo Sérgio (UFRJ), Crisóstomo Santos (CPM), Cristiano Alves (UFRJ), Arjan Woudenberg (Holanda), Amandy Bandeira (UFRN), Joel Barbosa (UFBH), Erilson Oliveira (ETECMR), Marcus Julius clarinetista principal da Orquestra Filarmônica Minas Gerais, entre outros pelo 1º Congresso Online de Clarinetista (ClariNets).

Luiz Carlos Durier (Regente) - Natural de João Pessoa (PB), Luiz Carlos Durier é o regente titular da OSPB Jovem há 17 anos. Seu trabalho direcionado para jovens músicos em formação tem reconhecimento em todo o Brasil. Sob sua batuta, já se tornou tradição a Jovem apresentar estreias mundiais com excelente qualidade técnica e artística. Em setembro de 2013 foi nomeado diretor artístico e regente titular da OSPB.

Na UFPB concluiu o ensino superior de Música nos cursos de Licenciatura e Bacharelado. Desde que chegou à Escola de Música Anthenor Navarro (Eman), em 1991, lidera atividades de educação musical ensinando Musicalização, Viola e Música de Câmara e Regência. Participou das XIX e XX Semana da Música da UFRN como professor da classe de regência. Na UEPB está realizando o Curso de Especiação Em Fundamentos da Educação – Práticas Pedagógicas Interdisciplinares.

Como regente convidado conduziu a Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica do Estado de Sergipe, Orquestra Sinfônica da UFRN, Orquestra Sinfônica da UFPB e Orquestra Criança Cidadã do Recife. Regeu a Orquestra de Cordas da 29ª e 30ª Oficina de Música de Curitiba. Na sua formação como regente, foi aluno de Wolfgang Groth, Nelson Nuremberg e Guilhermo Scarabino. Desde 2005 estuda com o maestro Osvaldo Ferreira. Participou de Master Class com os maestros Kurt Masur e, recentemente, com Dante Anzolini. Ainda teve como mestres o maestro José Siqueira, José Alberto Kaplan, Iara Bernette, Violeta de Gainza, Guilhermo Campos e Horácio Schafer.

Conduziu a OSPB na gravação ao vivo do CD da cantora Marines e sua Gente e do DVD Sivuca e os Músicos Paraibanos. Tem acompanhado com frequência artistas populares com a OSPB e OSPB Jovem em grandes concertos populares, tais como: Ângela Ro Ro, Arnaldo Antunes, Tico Santa Cruz e Renato Rocha (Detonautas), Flávio José, Genival Lacerda, Alcione, Toninho Ferragutti, Geraldo Azevedo e Dominguinhos, sempre com grande sucesso de público e crítica. No ano de 2012 recebeu a Comenda de Honra ao Mérito, pelo brilhante desempenho profissional frente à OSPB.

Serviço

Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba – 2º concerto oficial da Temporada 2015

Regência: maestro Luiz Carlos Durier (regente titular da OSJPB)

Solista: José Fernandes Moreira Neto

Data: quinta-feira (23)

Hora: 20h30

Local: Sala de Concertos Maestro José Siqueira, Espaço Cultural José Lins do Rego, av. Abdias Gomes de Almeida, 800, Tambauzinho

Entrada: gratuita