João Pessoa
Feed de Notícias

Orquestra Sinfônica Jovem encerra temporada com Concerto de Natal

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013 - 08:43 - Fotos:  Roberto Guedes / Secom-PB

A Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba encerra a Temporada 2013 com o Concerto de Natal, na próxima quarta-feira (18), às 20h, na Igreja Presbiteriana de João Pessoa, no bairro de Tambiá. Com regência do maestro titular da orquestra, Luiz Carlos Durier, a apresentação tem como solista convidada a mezzo-soprano Sara Martins e participação do Coro Sinfônico da Paraíba. O repertório traz músicas de ballet, trilhas sonoras de cinema, estreia de um pop gospel e canções tradicionais natalinas. A entrada é gratuita.

O concerto natalino, o 9º e último da temporada, inicia com o “Pas de Deux” (passo a dois) do “Ballet Quebra Nozes”, de Tchaikovsky. Em seguida, será apresentada a abertura da trilha sonora do filme “Os Sete Magníficos”, que foi um recorde de bilheteria devido a música composta por Elmer Bernstein, indicada ao Oscar em 1961.

Neste concerto, a Orquestra Jovem apresenta uma novidade: a execução de “The Hero’s Homecoming”, de Daniel Leo Simpson. Com uma linguagem moderna e jovial, a obra inclui na orquestração instrumentos de uma banda de rock, como a bateria, guitarra e baixo elétricos.

Na programação, consta também “Um Festival de Natal”, de Leroy Anderson, composta na forma de uma abertura de concerto, com as mais populares canções natalinas. Neste trabalho serão executadas, em sequência: “Alegria do Mundo”, “Pinheirinho”, “Os Anjos Mensageiros Cantam”, “Noite Feliz”, “Jingle Bells” e “Adeste Fidelis”.

Em seguida, será executada “Cantique de Nöel”, de Adolph Adam, composta em 1847, baseada no poema de Placide Cappoeu, que fala do nascimento de Cristo Salvador e da redenção da humanidade. “Panis Angelicus” foi um dos trabalhos mais conhecidos de Cesar Fanck. Uma peça originalmente para tenor, harpa, violoncelo e órgão, ganhou muitas versões e orquestrações, mas sempre guardando o caráter solene, angelical e religioso. O texto em latim fala do “pão de vida”, o “corpo do Senhor” como alimento da alma.

O concerto finaliza com a “Seleção de Natal”, do maestro Roberto Tibiriçá. Este trabalho para grande orquestra e coro reúne músicas conhecidas de todos em um pot-pourri.

A Orquestra Jovem comemora com o Estado da Paraíba um ano muito produtivo. Realizamos belos concertos oficiais e populares. Alcançamos um grande público na Capital e no interior, um número estimado em 20 mil espectadores. Tivemos boas parcerias e, por isso, somos gratos à Funesc, OSPB, Centro Cultural São Francisco, Igreja Presbiteriana de João Pessoa, as cidades de Areia, Patos, Piancó e Campina Grande”, disse o maestro Luiz Carlos Durier.

Sara Martins da Costa - Mezzo-soprano natural de João Pessoa, iniciou os seus estudos de canto no Departamento de Música da UFPB com a professora Tika Porto e é Bacharel em Música (Viola e Canto), pela UFPB, sob a orientação do professor Vianey Santos. Participou de diversos festivais e master class, onde teve aulas com os professores Zwinglio Faustini (Brasília), Inácio de Nonno (Rio de Janeiro), Nella Anfuso (Itália), Kennety Martin (USA) e Frieda Gebert (USA).

A solista participou das óperas “Cavalleria Rusticana”, de Mascagni, com a Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba, sob a regência do Maestro Osman Giuseppe Gióia, e “Il Pagliacci”, de Leon de Cavallo, com regência do maestro Silvério Maia. Apresentou-se como solista do “Oratório de Natal, Op. 12”, de Camile Saint-Säens, com a Orquestra de Câmara do Departamento de Música da UFPB, sob a regência do maestro Carlos Anísio; “Te Deum”, de Edmundo Villani Côrtes, com a Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba, com regência do maestro Luiz Carlos Durier; “Beatus Vir”, de Vivaldi, com o Côro Sinfônico da Paraíba; e de “Lobgesang”, de Felix Mendelssohn, com a Orquestra Sinfônica da Paraíba, sob a regência de Helena Herrera.

Sara Martins é professora de canto e técnica vocal da Escola de Música Anthenor Navarro desde 1994. De 2001 a 2005, foi professora substituta na área de canto no Departamento de Música da UFPB, e de 2012 a 2013, professora de Canto da UFCG.

Luiz Carlos Durier - Natural de João Pessoa, Luiz Carlos Durier é o regente titular da OSPB Jovem há 17 anos. O seu trabalho direcionado para jovens músicos em formação tem reconhecimento em todo o Brasil. Em setembro deste ano, foi nomeado diretor artístico e regente titular da Orquestra Sinfônica da Paraíba.

Na UFPB, Durier concluiu o ensino superior de música nos cursos de licenciatura e bacharelado. Desde que chegou a Escola de Música Anthenor Navarro (Eman), em 1991, lidera atividades de educação musical ensinando Musicalização, Viola e Música de Câmara. Luiz Carlos Durier participou das XIX e XX Semana da Música da UFRN como professor da classe de regência. Na UEPB, está realizando o Curso de Especiação Em Fundamentos da Educação – Práticas Pedagógicas Interdisciplinares.

Como regente convidado, conduziu a Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte, Orquestra Sinfônica do Estado de Sergipe, Orquestra Sinfônica da UFRN e Orquestra Criança Cidadã do Recife. Regeu também a Orquestra de Cordas da 29ª e 30ª Oficina de Música de Curitiba. Na sua formação como regente, foi aluno de Wolfgang Groth, Nelson Nuremberg e Guilhermo Scarabino, e desde 2005 estuda com o maestro Osvaldo Ferreira. Participou de master class com o maestro Kurt Masur e ainda teve como mestres José Siqueira, José Alberto Kaplan, Iara Bernette, Violeta de Gainza, Guilhermo Campos e Horácio Schafer.

Durier conduziu a OSPB na gravação ao vivo do CD de Marines e sua Gente e do DVD Sivuca e os Músicos Paraibanos. Tem acompanhado com frequência artistas populares com a OSPB e OSPB Jovem em grandes concertos populares, tais como Ângela Ro Ro, Arnaldo Antunes, Tico Santa Cruz e Renato Rocha (Detonautas), Flávio José, Genival Lacerda, Alcione, Toninho Ferragutti, Dominguinhos e Geraldo Azevedo.

Serviço:

Concerto de Natal – Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba

Regência: Maestro Luiz Carlos Durier

Solista: Sara Martins (mezzo-soprano)

Data: 18 de dezembro (quarta-feira)

Hora: 20h

Local: Igreja Presbiteriana de João Pessoa (no bairro Tambiá)

Entrada: gratuita