Fale Conosco

25 de novembro de 2011

‘Operação Revés’ – Polícia prende acusados de tráfico de drogas e de assaltos em Campina Grande



Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande realizaram, nesta sexta-feira (25), no Bairro das Palmeiras, a “Operação Revés”, que resultou na prisão de acusados de tráfico de drogas e assaltos a casas lotéricas da região. Dois homens foram presos e um adolescente de 17 anos foi apreendido, além de 2,5 quilos de crack, dois revólveres calibre 38, celulares, duas motos e as roupas usadas pelos acusados durante um assalto a uma casa lotérica, no dia 11 de novembro deste ano.

As imagens de circuito interno foram cedidas à polícia e mostram os acusados usando as mesmas roupas apreendidas. Carlos Gonçalves da Silva, de 18 anos, e Marcio Oliveira Filho, 19 anos foram presos e autuados por tráfico, associação ao tráfico, formação de quadrilha e porte ilegal de arma.

Os dois foram levados ao Presídio do Serrotão. A “Operação Revés” foi coordenada pelo delegado Henry Fábio, que salientou: “As investigações devem continuar. Já identificamos outras duas pessoas envolvidas nessa quadrilha, que devem ser presas a qualquer momento. Essas prisões vão ajudar a reduzir os assaltos a casas lotéricas em Campina Grande”, afirmou o delegado, lembrando que a operação contou com ajuda de denúncias recebidas pelo 197.

De acordo com o delegado regional, Wagner Dorta, só este ano, a Polícia Civil de Campina Grande prendeu mais de 120 pessoas. Entre os presos estão acusados de homicídios, tráfico de drogas e assaltos, entre outros crimes. “A Polícia Civil continua dando cumprimento às determinações da Delegacia Geral, intensificando a repressão aos crimes patrimoniais e o combate ao tráfico de drogas, dando respostas cada vez mais rápidas à sociedade”, destacou.