Fale Conosco

19 de maio de 2014

Operação ‘Jatobá’ desarticula quadrilha de traficantes que atuava no Sertão do Estado



Uma ação integrada que reuniu policiais civis e militares da 20ª Área Integrada de Segurança Pública (Aisp), com sede em Cajazeiras, prendeu quatro pessoas e apreendeu drogas e armas na cidade de São José de Piranhas, Sertão do Estado. A operação “Jatobá”, nome que tinha o município, aconteceu na sexta-feira (16) e cumpriu 11 mandados de busca e apreensão.

Foram presos em flagrante o pedreiro Alex de Lima Ferreira, 26 anos; Lázaro Cassimiro Ferreira, 24 anos; José Nilton Braz Silva, e um homem de prenome Ronildo. Ainda foram apreendidos maconha (400g), cocaína, uma espingarda calibre 12, e dois revólveres.

De acordo com Gilson Teles, delegado Seccional da 20ª Aisp, o trabalho teve a participação de policiais de Cajazeiras, do Grupo Tático Especial da Polícia Civil em Patos, Sousa e Itaporanga, além de policiais militares de Cajazeiras e São José de Piranhas, do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Força Tática. “A ação contou com 65 policiais que executaram uma ação planejada, que requereu dois meses de investigação sobre esse grupo de traficantes que agia em São José de Piranhas. Com o que apuramos conseguimos a expedição dos mandados de busca e apreensão que resultaram nos flagrantes”, explicou a autoridade policial, salientando a integração das polícias.

Com ações que enfretamento à violência no Sertão do Estado, os órgãos operativos de Segurança Pública conseguiram reduzir 28,6% o número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) – homicídios dolosos ou qualquer outro crime doloso que resulte em morte – nas 15 cidades que compõem a 20ª Aisp, no 1º quadrimestre deste ano em relação a igual período de 2013.