João Pessoa
Feed de Notícias

Operação Halloween prende grupo acusado de homicídios na cidade de Mari

quarta-feira, 31 de outubro de 2012 - 11:30 - Fotos: 

Oito pessoas presas, 500 pedras de crack, maconha, uma pistola 380, um revólver calibre 38 e dois adolescentes apreendidos. Este foi o saldo da Operação Halloween, deflagrada nas primeiras horas desta quarta-feira (31), na cidade de Mari, localizada a 55 km da Capital.

A polícia cumpriu oito mandados de prisão e dois mandados de busca e apreensão de menores. Durante a operação, foram efetuados, ainda, dois flagrantes por porte ilegal de arma e tráfico de entorpecentes.

Esta é a terceira operação de grande porte realizada na cidade em 2012, que juntamente com outras ações policiais interligadas, totalizam 25 prisões de acusados de tráfico e homicídio no município. O trabalho contou com a participação de 40 policiais civis da Delegacia Regional de Itabaiana, coordenados pelo delegado titular de Mari, Reinaldo Nóbrega.

 “Esse é o resultado de uma ação continuada de investigações. Fizemos a Operação Araçá, a Operação Independência e agora a Operação Halloween, fechando um ciclo de investigações, prendendo os responsáveis por pelo menos 36 mortes ocorridas na região”, destacou o delegado regional de Itabaiana, Hugo Helder.

Os acusados deverão ser conduzidos a presídios da Região e vão ficar à disposição da Justiça. Os dois adolescentes serão encaminhados ao Ministério Público e devem cumprir medidas sócio-educativas.

Crimes elucidados – Durante as investigações, a polícia elucidou diversos crimes ocorridos na cidade de Mari, entre eles o esquartejamento de dois irmãos, ocorrido no dia 21 de julho.  O acusado do assassinato foi preso durante a Operação Independência, realizada no feriado de sete de setembro e contou com o trabalho de policiais civis de Mari, do Grupo Tático Especial (GTE) da região, e militares do 8º Batalhão da Polícia Militar.