João Pessoa
Feed de Notícias

O Estado foi representado pelos bordados de 180 artesãs

segunda-feira, 21 de junho de 2010 - 13:17 - Fotos: 
O Programa de Artesanato da Secretaria do Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba participou, até domingo (20), da VII Feira Nacional da Agricultura Familiar e Reforma Agrária Brasil Rural Contemporâneo, promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário e pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária ( Incra),  na Concha Acústica do Lago Paranoá, em Brasília, DF.

A feira, que recebeu 150 mil visitantes e faturou R$19 milhões em vendas, tem por objetivo mostrar o dinamismo da agricultura familiar brasileira, onde foram comercializadas 750 toneladas de produtos vindos de todas as regiões do país. O evento reuniu 650 empreendimentos de agricultura familiar, comunidades quilombolas, povos indígenas, assentados da reforma agrária e pescadores artesanais.

Além da exposição em estandes, o artesanato paraibano foi apresentado na mega feira através do lançamento da coleção “Passarada”, com bordados da Paraíba, desenvolvida através do programa ‘Talentos do Brasil’, daquele Ministério com apoio do SEBRAE.

A coleção foi inspirada na diversidade de aves e pássaros brasileiros, sendo trabalhada por cerca de 2 mil artesãos de vários estados, que produziram roupas, chapéus, bolsas, bijuterias e objetos utilitários. A Paraíba esteve representada pelos bordados de 180 artesãs de Alagoa Nova, Ingá, Riachão do Bacamarte, Serra Redonda e Juarez Távora. Elas trabalharam com técnicas de bordado, labirinto e renda renascença em tecidos como linho, crepe e algodão. Artesãos de outros municípios também participaram do evento com mostra de seus produtos, a exemplo das Bonecas de Esperança, cujo sucesso foi tanto que todas as peças foram vendidas antes do término da feira.

O programa federal ‘Talentos do Brasil’ tem por objetivo promover a geração de trabalho e renda baseada na atividade da moda artesanal, organizada em comunidades rurais, visando a emancipação sustentável, com responsabilidade social, cultural, econômica e ambiental.

A caravana de artesãos que foi ao evento teve o apoio dos técnicos do Programa de Artesanato Paraibano, Fábio de Morais Silva, Ana Cristina Silva de Carvalho, Adriana Magna Aires e Carla Virgínia Lopes de Araújo.  O PAP também contou com a parceria do INCRA na Paraíba, a Emater e o MDA na formação da caravana de artesãos.

Já foram desenvolvidas anteriormente outras coleções com o artesanato paraibano como as intituladas “Dois Pontos”, “Flores do Agreste” e “Para Voar”.

Goretti Zenaide, da Assessoria de Imprensa do Programa de Artesanato Paraibano