Fale Conosco

4 de maio de 2017

Núcleo Interno de Regulação do Hospital de Trauma passa a funcionar 24h



Implantado em dezembro de 2013, o Núcleo Interno de Regulação (NIR) do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, tem beneficiado a população da região metropolitana de João Pessoa com a diminuição do tempo de permanência dos pacientes na unidade de saúde. O setor, que desde abril passado passou a funcionar 24 horas ininterruptas, é responsável pela regulação interna de todos os pacientes da instituição.
Para diretora geral da instituição, Sabrina Bernardes, a resolutividade e a organização dos procedimentos, das internações e dos atendimentos realizados no complexo hospitalar foram as principais conquistas após a criação do NIR. “A implantação do núcleo diminuiu o tempo de permanência dos pacientes,facilitando o fluxo e reduzindo o tempo de espera do usuário. Agora, funcionando 24h, está ainda melhor e trará mais benefícios para os paraibanos que precisarem de atendimento de urgência e emergência na Capital”, frisou.
Segundo a supervisora do NIR, Paloma Gonçalves, desde abril, quando começou a funcionar 24h, o quadro de funcionários aumentou para atender a demanda. Atualmente a equipe é composta por um supervisor, cinco enfermeiros e duas pessoas do administrativo. “Nossa rotina diária é visitar todos os leitos para que possamos identificar os problemas e dificuldades da saída do paciente.
Durante a visita também constatamos quantas vagas temos e quantas vamos distribuir pela própria unidade de saúde, e no Hospital de Traumatologia e Ortopedia da Paraíba (Htop), hospital retaguarda da instituição, com o serviço sendo realizado ininterruptamente, ganha o Hospital de Trauma e a população”, explicou.
De acordo com o Ministério da Saúde, o Núcleo Interno de Regulação constitui a interface com as Centrais de Regulação. O papel do NIR é delinear o perfil de complexidade da assistência que a instituição representa no âmbito do SUS, e disponibilizar consultas ambulatoriais, serviços de apoio diagnóstico e terapêutico, além dos leitos de internação, segundo critérios pré-estabelecidos para o atendimento.