Fale Conosco

23 de abril de 2013

Novos membros tomam posse no Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da Paraíba



dalmo oliveira doencas falciforma comite da igualdade racial foto jose lins 291 270x202 - Novos membros tomam posse no Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da ParaíbaOs novos membros do Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da Paraíba (Cepir-PB) foram empossados nesta terça-feira (23), no auditório da Paraíba Previdência (PBPrev), em João Pessoa. Vinculado à Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana, o Conselho funciona com a participação de conselheiras e conselheiros representantes de quilombolas, comunidade cigana, povos de terreiros das religiões de matriz africana, indígenas, capoeiristas e representantes de organizações não governamentais do Movimento Negro.

O Cepir visa propor e monitorar a execução de políticas públicas, no âmbito do Estado da Paraíba, para reparação e promoção da igualdade racial. A primeira gestão do Cepir-PB ocorreu no dia 9 de julho de 2010, mas o Conselho ficou inativo até setembro de 2011.  O órgão é regulamentado pela Lei Estadual nº  8.981, de 15 de dezembro de 2009.

“Estamos retomando nossos compromissos com este Conselho nesta segunda gestão. Conseguimos neste curto espaço de tempo organizar a questão burocrática, sustentabilidade e a questão do próprio marco legal. Nossa intenção é fazer do Conselho um instrumento de diálogo permanente entre a sociedade e o poder público na cobrança de políticas públicas para o enfrensemdh posse do comite da igualdade racial foto jose lins 9 270x202 - Novos membros tomam posse no Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da Paraíbatamento ao racismo, inclusive o institucional”, disse o jornalista Dalmo Oliveira, do Fórum Paraibano de Igualdade Racial.

A secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Soares, afirmou que o Conselho é um instrumento de democracia participativa. “O Conselho é fundamental para o processo de controle social, a construção de críticas e o avanço de ações para as populações excluídas dentro do nosso processo histórico”, comentou, adiantando que “o governo se comprometeu e deve lançar este ano uma campanha publicitária afirmativa em defesa da identidade étnico-racial, além da realização e apoios das conferências estadual, regionais e municipais previstas para novembro”.

Comissão – O segmento populacional dos ciganos, concentrados na região de Sousa, escolheu os líderes Ronaldo Carlos e Cícero Romão Batista (Maninho), como titular e suplente dessa população no Cepir-PB. As lideranças potiguaras escolheram como representação Isaias Marculino (titular) e Alcides da Silva Alves (suplente).

dalmo oliveira doencas falciforma comite da igualdade racial foto jose lins 14 270x202 - Novos membros tomam posse no Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial da ParaíbaOs representantes religiosos escolhem dois titulares e seus suplentes, sendo eles: Silvando de Luna Freire e Renilda Albuquerque, titulares, e Maria Goreti da Silva e Carlos Roberto Alves, suplentes. Os quilombolas possuem também duas vagas no Cepir. Foram eleitos Geilsa Roberto da Paixão e José Maximino da Silva, como titulares, e Elza Ursolino Nascimento e José Jorge, como suplentes.

Já o movimento negro social tem direito a cinco cadeiras. Os eleitos foram: Francimar Fernandes, Fabiana Veloso, Dalmo Oliveira, Clareana Cendy e José Ribeiro da Silva, como titulares. Os suplentes são: Maria Ivanice Gonçalves, Eduardo Wanderlei Marques, Alzumar Nunes, Moisés Alves e Edmilson Lima. A representação dos capoeiristas ficou a cargo de Glauber Rogério de Lima Bezerra (Mestre Rogério) e de Gutemberg da Silva Ferreira (Mestre Mazinho).

Os 12 representantes governamentais serão reconduzidos ou redefinidos por algumas secretarias e órgãos públicos estaduais. As universidades públicas também têm assento nesse Conselho.