João Pessoa
Feed de Notícias

Novos chefes da Polícia Civil investem em fortalecimento da Polícia e reestruturação administrativa

quarta-feira, 31 de julho de 2013 - 16:27 - Fotos:  Secom-PB

Visitas a todas as Regiões e Áreas Integradas de Segurança Pública (REISPs E AISPs), além de fortalecimentos das delegacias de Crimes contra a Pessoa, Contra o Patrimônio e Roubos e Furtos de Veículos serão as primeiras ações dos novos gestores que assumiram a Delegacia Geral de Polícia Civil na última sexta-feira (12).

Segundo o novo chefe da instituição, Carlos Alberto Ferreira, a principal meta é agilizar a conclusão dos inquéritos e a elucidação dos homicídios dolosos e outros crimes dolosos que resultem em morte. “Vamos a cada delegacia, verificar a necessidade dos servidores que atuam na cidade, os resultados obtidos pelas equipes e também as impressões da população acerca dos serviços prestados”, afirmou o delegado geral.

Já Isaías Gualberto, delegado geral adjunto, ressaltou que a Polícia Civil da Paraíba não deixa a desejar a nenhuma polícia do Nordeste. “Foram mais de 70 operações de médio e grande porte realizadas só no ano  de 2012, quando foram presos centenas de criminosos de alta periculosidade como assaltantes de banco, homicidas e traficantes”, pontuou.

Gualberto ainda frisou que hoje a maioria dos delegados tem curso de planejamento operacional nos moldes da Academia Nacional da Policia Federal. Assim, “outro grande desafio está na parte administrativa, com a Compatibilização de Áreas, principalmente por causa do crescimento no número de delegacias seccionais que passou de 10 para 20 no Estado. Temos que buscar o incremento de recursos materiais e humanos e também informatizar toda a Polícia Civil da Paraíba”, afirmou.

Perfis

Carlos Alberto Ferreira tem 58 anos e é natural de João Pessoa (PB). Iniciou as atividades na área da Segurança Pública em 1973. Em 1979 passou a ser investigador de Polícia, já na atividade de Polícia Judiciária. Formado em Direito pela Universidade Federal da Paraíba, foi delegado comissionado na cidade de Cacimba de Dentro e em 1987 foi aprovado no concurso da Polícia Civil para delegado de carreira, assumindo o cargo em 1989.

Trabalhou em quase todas as delegacias especializadas de João Pessoa, entre elas Homicídios, Roubos e Furtos, Repressão a Entorpecentes, Vigilância Geral. Também foi superintendente de Polícia Civil da Região Metropolitana, coordenador do Centro de Policiamento Integrado e diretor da Penitenciária Desembargador Flósculo da Nóbrega (Róger), em 2007. Antes de assumir a Delegacia Geral da Polícia Civil, era responsável pela Gerência de Armas e Munições da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds).

O novo delegado geral adjunto, Isaías José Dantas Gualberto, tem 35 anos, é natural de São Luiz (MA). Bacharel em Direito pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), tem especialização em Direito Penal e Processual Penal, além de curso de Análise Criminal realizado no Rio Grande do Sul. Advogado desde 2000 com atuação no Maranhão e na Paraíba, Isaías Gualberto passou no Concurso da Policia Civil em 2003 para o cargo de delegado de carreira. Já passou pelas delegacias de ordem Econômica, Vigilância Geral, Homicídios e Roubos e Furtos de Veículos e Cargas, e ainda pelas distritais dos bairros do Valentina e Mangabeira, todas em João Pessoa. Na cidade do Conde, foi delegado municipal.

Em 2011 assumiu a Assessoria de Ações Estratégicas da Secretaria da Segurança e Defesa Social. Além disso, foi professor das disciplinas ‘Estatística aplicada à Segurança Pública’ e ‘Investigação de Homicídios’ na Academia de Ensino de Polícia (Acadepol).