Fale Conosco

6 de outubro de 2011

Nova diretoria do Cosems será empossada nesta sexta-feira



O Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems/PB) empossa nesta sexta-feira (7) os novos integrantes da Diretoria Executiva e do Conselho Fiscal, e também os representantes da macrogestão para o biênio 2011-2013. A eleição da nova diretoria do Cosems ocorreu no dia 22 de agosto.

A solenidade será aberta às 9h, na sede do Serviço Social da Indústria (Sesi), no Centro de João Pessoa, e contará com a presença do governador Ricardo Coutinho e do secretário de Estado da Saúde (SES), Waldson Dias de Souza. Também participarão da solenidade o presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Antônio Carlos Figueiredo Nardi, e o secretário de Gestão Estratégica e Participativa do Ministério da Saúde, Luís Odorico Monteiro de Andrade.

Composição – Com o lema “Cosems forte só com a participação de todos”, a nova diretoria do Cosems/PB tem a seguinte composição: Roseana Maria Barbosa Meira (presidente), Soraya Galdino de Araújo Lucena (vice-presidente), Rosiani Palmeira Videres (diretora de Finanças) e Jammes Wallyson Ferreira de Araújo (suplente), Francisca Eudézia Damasceno Nunes (diretora de Gestão em Saúde) e Eliete Silva Nunes (suplente), Adalgisa Maria Gadelha Vale Granjeiro (diretora de Atenção à Saúde) e Maria Lúcia Dias Oliveira (suplente).

Também compõem a direção executiva Porcina dos Remédios Gomes Trigueiro (Diretoria de Vigilância à Saúde) e Márcia Mousinho Araújo (suplente); Isaias dos Santos Filho (diretor de Comunicação e Informação) e Inêz Cristhina Palitot Remígio Leite (suplente), e ainda Marcelo Jackson Dinoá Almeida (diretor de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde) e Maria Lúcia Dantas Xavier (suplente).

Como representantes das macrorregionais compõem a chapa eleita Ricardo Lúcio Dantas Rodrigues de Lima (1ª Macro – João Pessoa) e Wanderléia Francisco dos Santos (suplente); Constança Denise Gonçalves Dantas (2ª Macro – Campina Grande) e Francisca Eugênia de Lima (suplente); Márcia Lúcia de Souza Lima (3ª Macro – Patos) e José Ruclenato Gomes da Silva (suplente, e Roselene Oliveira Freitas de Queiroga (4ª Macro – Sousa) e Sandra Núbia Pereira Brilhante (suplente).

O Conselho Fiscal é composto por secretários dos municípios do Conde, Santa Luzia, Catolé do Rocha, Pitimbu, Bonito de Santa Fé e Aparecida. O primeiro membro titular é Maria José de Andrade Carneiro, que tem como suplente Dilma Morais Negromonte. O segundo membro titular é Emanuelle Rosado Xavier Santos, sendo sua suplente Marinês Benedito dos Santos. O terceiro membro titular é Lucilene Barbosa de Sousa, ficando na suplência Maria Gerlane da Silva Araújo.

O representante do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conares) na Paraíba é o secretário municipal de Sáude de Piancó, Valdeny Salviano de Sousa. Os representantes do Conselho Estadual de Saúde (CES) são Geveralda Farias de Lima e o suplente é Isaias dos Santos Filho.

A titular da Comissão Intergestores Bipartite (CIB-E) é Roseana Maria Barbosa Meira e a suplente é Maria Lúcia Dantas Xavier.

Foco – Segundo ressaltou a presidente do Cosems, Roseana Meira, o maior foco da nova diretoria será a unificação e qualificação dos secretários municipais de Saúde e a regionalização da saúde. “Estamos propondo a formação permanente dos secretários e a discussão de redes de regionalização para o Estado. Não se pode admitir que os serviços se concentrem em João Pessoa e Campina Grande. Propomos um serviço de saúde descentralizado. Para isso, temos que ter a Secretaria de Estado da Saúde (SES), o Ministério da Saúde (MS) e as Secretarias Municipais (SMS) juntos na construção desse processo, com a co-responsabilidade coletiva”, enfatizou.

Roseana Meira observou que a votação para nova diretoria foi a mais participativa desde a formação do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba. “É uma honra muito grande estar assumindo a presidência desse órgão. Essa foi a eleição que empolgou mais os secretários. Estamos nos articulando para aproximar a saúde ainda mais da população e garantir a qualidade dos serviços”, comentou.