João Pessoa
Feed de Notícias

No Carnaval, foram registrados 30 acidentes sem vítimas fatais na Grande João Pessoa

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010 - 19:29 - Fotos: 

O governador em exercício Luciano Cartaxo comemorou os números, que ele classificou de positivos, da campanha preventiva contra acidentes nas rodovias estaduais, realizada pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e Companhia de Policiamento de Trânsito (CPTran), durante os quatros dias de Carnaval. Ele se reuniu nesta quarta-feira (17) com o coronel Américo Uchoa, superintendente do Detran, e o capitão Arilson Valério, comandante da CPTran, para avaliar os resultados.

“Os números são significativos, o que demonstra que o Carnaval foi tranquilo e seguro e o paraibano assimilou e aceitou bem a campanha realizada pelo Governo do Estado”, destacou Luciano Cartaxo. E mais: “Ficamos felizes em saber que os paraibanos estão voltando para casa, nesta Quarta-feira de Cinzas, sem nenhum grave problema”.

Ponto positivo – O ponto considerado mais positivo da Operação Carnaval, ressaltou o governador em exercício, foi o fato de não ter sido registrado nenhum acidente com vítima fatal na Grande João Pessoa. No total, foram apenas 30 acidentes em quatro dias – a média é de 20 acidentes por dia, em períodos normais. Durante os quatro dias de festejos, 20 mil veículos foram fiscalizados.

“Pela primeira vez nós podemos comemorar o fato de não ter nenhum vítima fatal. Isso é uma demonstração de que o trabalho preliminar realizado pelo Governo do Estado conseguiu dar resultados satisfatórios. O carnaval, na Paraíba, foi tranquilo”, disse Luciano Cartaxo.
Dados dos órgãos de trânsito na Paraíba mostram ainda 60 motoristas foram detidos por embriaguez. Nos quatro dias de festejos de Momo, Detran e CPTran utilizaram dois mil bafômetros descartáveis, dos quatro mil à disposição. Também foram distribuídos 100 mil panfletos educativos junto aos motoristas. Os órgãos ainda dispunham de 26 bafômetros fixos.
Ação preventiva – Luciano Cartaxo ressaltou que a campanha preventiva e educativa, realizada neste Carnaval, terá continuidade. “Vamos dar seqüência a este projeto porque precisamos cada vez ter um trânsito seguro e que as pessoas possam manter acima de tudo, qualidade de vida”, informou.

Para o coronel Américo Uchoa, os números da campanha já mostram o sucesso da operação que envolveu 60 agentes de trânsito na Grande João Pessoa e 108 homens da CPTran. “O objetivo foi alcançado e a campanha continua”, fez questão de dizer o superintendente do Detran.
Alerta – Ele aproveitou para renovar o alerta aos motoristas que insistem em misturar álcool e direção. “Quando for dirigir, não beba. Se for beber, leve um amigo para que transporte seu carro porque a fiscalização está nas ruas”, reiterou.

Já o capitão Valério destacou o fato de ter presenciado muitas mulheres conduzindo os veículos, o que significa a conscientização por parte dos motoristas homens. “Muitos condutores passaram os veículos para suas esposas ou namoradas. Graças a Deus tivemos um número pequeno de acidentes”, afirmou.

O comandante da CPTran também comemorou a aceitação da campanha por parte dos condutores paraibanos, especialmente os da Grande João Pessoa. “No geral, o motorista não bebeu. Mas, os que beberam foram pegos e autuados”, disse.

 

Sony Lacerda, com fotos de Ernane Gomes, da Secom-PB