Fale Conosco

10 de novembro de 2014

Música latina e reggae agitam o público no lançamento da coletânea



Os ritmos latinos da banda Macumbia e o reggae de Pedecoco agitaram o público na noite desse domingo (9) durante o show de lançamento da coletânea Music From Paraíba 2, que contém quatro CDs com trabalhos contemplados pelo edital de música da Funesc. Ao todo, são 71 faixas com composições de diferentes estilos e capa assinada pelo artista plástico Shiko. O evento (o primeiro da nova temporada do projeto) lotou o Teatro de Arena Leonardo Nóbrega, localizado no Espaço Cultural José Lins do Rego. A ação também contou com participação do DJ Chico Correa, DJ Kylt e VJ Carlos Dowling. O material está disponível para download no Soundcloud.

Em João Pessoa, os shows do MFPB 2 serão realizados todos os meses, sempre aos domingos, no Teatro de Arena. A expectativa é que, assim como na primeira edição, o projeto consiga circular por outros municípios, para que a música produzida aqui seja conhecida também pelo povo paraibano. Em 2013, vinte artistas foram selecionados e dez shows foram realizados, inclusive em cidades do interior da Paraíba.

Quem chegou cedo ao evento pode conhecer o subsolo do Teatro de Arena, onde os DJs fizeram o aquecimento da noite com músicas de estilos variados. Aproximadamente às 20h, o banda Macumbia ocupou o palco e contagiou o público com sua energia. Sua canção “Baila Mi Cumbia” faz parte do CD 2 da coletânea Music From Paraíba. Foi mais de uma hora de show com a música popular hispano-americana juntamente com os ritmos brasileiros em uma experiência musical nova e dançante.

Em seguida, a banda Pedecoco subiu ao palco com mensagens de amor, autoestima e paz. No palco, o grupo mostrou seu repertório de músicas autorais que fazem parte dos álbuns “Reggae Natural”, “Paraíba Reggae” e do recém-lançado “Manifesto do Pensar”. Sua canção “Drop Time” integra o CD 3 da coletânea Music From Paraíba.

DJ Kylt – É de João Pessoa e toca há 9 anos, percorrendo vários horizontes com o seu som. É reconhecida pela técnica e primorosa pesquisa musical. Também é designer, agitadora cultural, colecionadora de disco de vinil e participa constantemente da programação de variados festivais, eventos culturais e festas independentes. Na sua estética sonora, busca adaptar harmoniosamente para a pista de dança a riqueza da música brasileira, bem como de outros diversos ritmos latinos e também africanos, acarretando num forte diálogo com o gingado das sonoridades percussivas e somando tudo isso a efeitos e beats eletrônicos dançantes.

Chico Correa- Transita pelos fragmentos imaginários da tradição remixada. Artista residente do programa DIGIBAP (conexão França-África-Brasil), bacharelando em Composição Musical pela UFPB, já trabalhou comDJ Dolores, Maga Bo, Baiana System, Cabruera, Totonho e os Cabras. Em seu estúdio desenvolve trilhas sonoras para filmes e espetáculos de dança, bem como remixes para diversos artistas. Tem sua base na Paraíba, onde atua nos projetos Chico Correa & Electronic Band, Parahyba Art Ensemble e Seu Pereira e Coletivo 401. Já tocou em diversos festivais e países europeus, bem como África, China e Ásia. Já se apresentou na maioria das capitais brasileiras e no exterior: Paris, Bruxellas, Amsterdam, Gent, Utrecht, Montreux, Marseille e Londres.

Music From Paraíba na Espanha – Em outubro, a música paraibana aportou na Espanha. A coletânea MFPB 2 foi lançada na 20ª World Music Expo, a WOMEX, festival mundial de música, que neste ano foi realizado em Santiago de Compostela, de 22 a 26 de outubro. Duzentos exemplares do conjunto, composto por 4 CDs, foram levados ao evento pelas mãos do coordenador de Música da Funesc, Arthur Pessoa. Lá, o material foi entregue a produtores, DJs, empresários do segmento, e outros profissionais da cadeia produtiva musical, a exemplo de Peter Hvalkof, do Roskide Festival na Dinamarca (um dos maiores festivais de música da Europa), Frans Goossens, do Amsterdam Roots Festival na Holanda e Borkwsky Akbar, da Piranha Music da Alemanha, criador e diretor da WOMEX.

Segundo Arthur Pessoa, o material paraibano teve excelente aceitação na feira internacional, tanto por se tratar de música brasileira e nordestina, que despertam interesse dos profissionais, quanto pela boa apresentação visual da coletânea. “O material que levamos chamou a atenção de todos na feira, sendo um dos projetos mais procurados pelos profissionais da música. O formato do material, em tamanho vinil, e também a arte desenvolvida pelo Sílvio Sá chamaram a atenção dos participantes da WOMEX”, destaca Arthur.

 

Serviço:

Coletânea Music From Paraíba 2

Links para download e compartilhamento:

CD 1 > http://bit.ly/1xiCePV
CD 2 > http://bit.ly/1wH3x7j
CD 3 > http://bit.ly/1pEPnD6
CD 4 > http://bit.ly/1AN53sz